Ir para conteúdo

Mica

Membro da Comunidade
  • Total de itens

    6.636
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Mica

Métodos de contacto

  • Website URL
    http://

Informação de perfil

  • Sexo
    Masculino

Últimos Visitantes

6.678 visualizações
  1. A reta final foi desapontante, diga-se com franqueza. Este Braga apareceu partido em dois, de uma equipa muito consistente a ameaçar até a liderança do campeonato passou a uma equipa super irregular. Pelo meio, a final four da Taça da Liga. Não sei se foi isso que os afetou, mas pareceu. Na Liga Europa o desempenho também foi frustrante, já se esperava que nesta fase fossem freguês na fase de grupos da Liga Europa e pelo menos na primeira eliminatória após isso, onde naturalmente podem apanhar equipas de Champions o que torna tudo mais difícil. Num cômputo geral não achei que a época tivesse sido positiva.
  2. Mica

    Tópico da Programação

    Só para informar que muitos deles ainda estão gratuitos
  3. Mica

    FC Porto - Futebol 2018/2019

    https://www.rtp.pt/noticias/desporto/andre-villas-boas-diz-que-vai-ficar-no-fc-porto_v441263 Se dissesse que não comentava o assunto dava a entender que ia embora, se dissesse que ia embora era um bocado estúpido. Posto isto, essa declaração vale o que vale, mas nem importa falar disso agora.
  4. Comprei o meu Mi A1 em outubro de 2017 (precisamente para substituir o Moto G4), que veio com Android 7.1.2, e recebi entretanto o Android 8.0, Android 8.1 e Android 9.0, normalmente 4/5 meses após o seu lançamento. Também recebo todos os meses updates de segurança (agora tenho o de maio de 2019, acho que desde que o comprei só não lançaram o de junho de 2018 porque no mês seguinte lançaram o Android 8.1). À partida isto tudo acaba lá para setembro, quando o telemóvel faz 2 anos que saiu para o mercado, mas sinto-me muito bem servido para quem deu 200 paus por um telefone. Só me livro dele quando estiver mesmo KO, porque o Android 9 não será um SO obsoleto tão cedo. Enquanto for rapidinho, tiver a bateria saudável e updates de aplicações não vejo razões para trocar. Tudo isto para dizer que o Android One oferece, de facto, um valor que outras marcas não conseguem oferecer. Peca nos extras, porque cada um imprime a sua marca nos telemóveis que por vezes se tornam indispensável para nós (assim à cabeça o double tap to wake da LG), coisas que não estão disponíveis em Android stock e que portanto podem ser determinantes para vocês. No entanto, para quem não tiver nenhuma exigência em particular, é um no brainer.
  5. Mantém a palavra 'Invicta', parece-me:
  6. Corrijam-se se estiver enganado, mas já não era assim com os telemóveis de média gama? Eu quando andava mais por dentro disto via que esses telemóveis recebiam uma nova versão do Android e depois não voltavam a receber atualizações de software, só de aplicações. Eu até cheguei a comprar um Moto G4 do qual gostava bastante e tinha stock Android 6.0.1. Recebeu em 2017 o update para o Android 7.0 e ficou-se por aí.
  7. O José Mota é um treinador acima da média na Segunda Liga. Mantenham-no e montem um plantel para subir que ele vai dar conta do recado.
  8. Mica

    [FC Porto] Rumores de Mercado 2018/2019

    Agora é mais fácil, mas ele já é o plano B desde pelo menos 2011/12.
  9. Mica

    [FC Porto] Rumores de Mercado 2018/2019

    No Portal já tão os prints de Whatsapp a jurar que o JJ vem para o Porto. Isto já vai em mais temporadas que Friends.
  10. A essa hora, para além da final da Taça e da 1ª mão ainda há jogos da fase de apuramento da AF Porto e até aqui o campeonato concelhio tem jogos, nem sei para onde me virar
  11. Muito medo, a última vez que o Sporting jogou neste estádio contra uma equipa de azul deu 8.
  12. Contra mim falo mas preferia que subisse mesmo uma por AF, e sim isso significa que o Tirsense não sobe porque o Canelas já leva 6 pontos e com 2 jogos por disputar em casa, onde é fortíssimo (em todos os sentidos menos na qualidade de futebol). Tendo vivido no interior durante 9 anos acabo por sentir um maior apreço por clubes do interior, mas a falta de apoios para dar o salto é muito grande. Para o meu Tirsense é simples, como vêm na Primeira Liga são 10 clubes num raio de 25km (raio esse que deve ter centro mesmo em Santo Tirso, já que a cidade fica a 25km de Braga e 25km do Porto) e no Campeonato de Portugal não é muito diferente. Para um Mirandês ou um Mosteirense são demasiados custos. Isto acaba por criar uma bola de neve que num País pequeno como o nosso não devia acontecer. Vejam bem o mapa da Liga Espanhola que puseram aí atrás...há representantes em todos os cantos do País.
  13. Então está aí a explicação...não sei como são as outras distritais, mas a da AF Porto está cheia de equipas. E não tenho dúvidas que a Distrital Série 1 da AF Porto deste ano deve ter sido a mais forte de todas do País, se bem que isso é difícil de quantificar.
  14. Há um problema demográfico associado. A região Norte é grande e a mais populosa de Portugal, com 3,7 milhões de habitantes, mas o grosso dessa população encontra-se precisamente naquele raio onde estão as 10 equipas. Mas sim, não deixa de ser exagerado. E uma breve visita ao zerozero para ver campeonatos de há 20 ou 30 anos atrás mostram que a região Norte nunca teve mais de 50% de representação no principal campeonato.
×