Ir para conteúdo

Descartes

Membro da Comunidade
  • Total de itens

    39.252
  • Registo em

  • Última visita

  • Pontos

    667 [ Doar pontos ]

Informação de perfil

  • Sexo
    Masculino
  • Origem
    Margem Sul

Últimos Visitantes

9.319 visualizações
  1. GRAU DE DESCONTROLO - 5 de Junho A fórmula utilizada consiste na taxa de crescimento do valor médio dos novos casos registados nos últimos 7 dias em relação ao valor médio de novos casos nos 7 dias anteriores. Crescimento positivo implica que a situação está pior que na semana passada. Crescimento negativo que a situação está a melhorar. Países com mais de 1000 casos confirmados: MACEDÓNIA DO NORTE - 218% NEPAL - 144% PARAGUAI - 115% MAYOTTE - 113% IRAQUE - 108% SUÉCIA - 99% ISRAEL - 94% CAMARÕES - 89% PAQUISTÃO - 89% DJIBOUTI - 88% ... 113. SRI LANKA - (50%) 114. ESLOVÁQUIA - (65%) 115. ZÂMBIA - (77%) 116. GUINÉ EQUATORIAL - (100%) 117. FRANÇA - (100%) Portugal está com +16%. Considerando os valores absolutos: BRASIL - 5746 USA - 3392 ÍNDIA - 1999 PAQUISTÃO - 1698 IRÃO - 782 ÁFRICA DO SUL - 726 BANGLADESH - 701 SUÉCIA - 519 CHILE - 440 EGIPTO - 391 ... 113. ESPANHA - (189) 114. TURQUIA - (200) 115. CANADÁ - (289) 116. REINO UNIDO - (705) 117. FRANÇA - (5485) Portugal está com +40. Agora a mesma análise comparativa das últimas 2 semanas, mas relativa ao número de mortes: Países com mais de 1000 casos confirmados: CAZAQUISTÃO - 650% OMAN - 343% ETIÓPIA - 267% REP. CENTRO AFRICANA - 200% QUIRGUISTÃO - 200% GHANA - 167% IRAQUE - 163% DINAMARCA - 157% GUATEMALA - 144% BAHREIN - 133% ... 113. CROÁCIA - (100%) 114. GUINÉ EQUATORIAL - (100%) 115. LUXEMBURGO - (100%) 116. NOVA ZELÂNDIA - (100%) 117. ESPANHA - (100%) Portugal regista, neste momento, -13%. Considerando os valores absolutos: MÉXICO - 138 ÍNDIA - 59 REINO UNIDO - 47 PAQUISTÃO - 39 BRASIL - 30 CHILE - 27 COLÔMBIA - 17 EGIPTO - 16 ARÁBIA SAUDITA - 13 ÁFRICA DO SUL - 12 ... 113. ALEMANHA - (10) 114. PAÍSES BAIXOS - (10) 115. EQUADOR - (11) 116. BÉLGICA - (12) 117. SUÉCIA - (19) Portugal regista, neste momento, -2.
  2. DIÁRIO DA COVID-19 Dados de 6 de Junho Dia marcado pelo atraso na divulgação dos números. Esperava-se o pior mas foi falso alarme. Acabou por ser um dia semelhante aos anteriores. Dados do Dia - Entre () diferença para o dia anterior: Casos Confirmados: 34351 (+ 382) Casos Recuperados: 20807 (+ 281) Óbitos: 1474 (+ 9) Casos Ativos: 12070 (+ 92) Internados: 414 (- 7) Internados em UCI: 57 (- 1) Indivíduos Testados: 337333 (+ 2410) Taxa de Crescimento de Novos Casos: 1,12% (0) Taxa de Crescimento Médio desde 11/03: 8,61% (- 0,09 pp) Taxa de Crescimento Médio nos Últimos 5 Dias: 0,99% (+ 0,10 pp) Taxa de Letalidade: 4,29% (- 0,02 pp) Taxa de Recuperados: 60,57% (+ 0,14 pp) Peso dos Óbitos nos Casos Fechados: 6,62% (- 0,04 pp) Taxa de Internamento: 3,43% (- 0,08 pp) Taxa de Internamento nas UCI: 13,77% (- 0,01 pp) Taxa de Crescimento Novos Testados: 0,72% (+ 0,17 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados: 10,18% (+ 0,04 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados de há 5 Dias: 10,53% (+ 0,08 pp) Principais dados negativos do dia: Maior número de novos casos desde 8 de maio; Maior número dos casos ativos desde 23 de maio, primeira vez acima dos 12 mil desde essa data; A taxa de crescimento médio dos últimos 5 dias voltou a subir e já está em cima dos 1%; O peso dos confirmados face aos testados está no maior valor desde o dia 22 de abril; Os valores dos casos confirmados nos últimos 7 dias face ao dos 7 dias anteriores agravou-se pelo 16º dia consecutivo. Principais dados positivos do dia: Diminuição do número de internados para o menor valor desde 27 de março; A taxa de letalidade diminuiu 2 centésimas para o valor mais baixo desde 23 de maio; A taxa de recuperação subiu para o maior valor de sempre. A projeção para amanhã, se os indicadores de hoje se voltarem a verificar: Taxa de crescimento de novos casos a 1,12% -> Novos casos: 385; Total Confirmados: 34736 Taxa de confirmados sobre os testados de há 5 dias em 10,53% -> Novos casos: 279; Total Confirmados: 34630 Taxa média de crescimento nos últimos 5 dias de 0,99% -> Novos casos: 340; Total Confirmados: 34691
  3. GRAU DE DESCONTROLO - 4 de Junho A fórmula utilizada consiste na taxa de crescimento do valor médio dos novos casos registados nos últimos 7 dias em relação ao valor médio de novos casos nos 7 dias anteriores. Crescimento positivo implica que a situação está pior que na semana passada. Crescimento negativo que a situação está a melhorar. Países com mais de 1000 casos confirmados: HONG KONG - 967% ISRAEL - 230% MACEDÓNIA DO NORTE - 198% PARAGUAI - 191% NEPAL - 159% FILIPINAS - 123% IRAQUE - 114% OMAN - 101,1% HAITI - 100,9% COSTA RICA - 100% ... 113. ESLOVÁQUIA - (67%) 114. CROÁCIA - (75%) 115. ZÂMBIA - (83%) 116. FRANÇA - (100%) 117. NOVA ZELÂNDIA - (100%) Portugal está com +19%. Considerando os valores absolutos: BRASIL - 7024 ÍNDIA - 2024 PAQUISTÃO - 1557 PERÚ - 1201 USA - 1147 IRÃO - 845 BANGLADESH - 776 ÁFRICA DO SUL - 732 EGIPTO - 455 COLÔMBIA - 388 ... 113. CANADÁ - (282) 114. ESPANHA - (302) 115. ARÁBIA SAUDITA - (305) 116. REINO UNIDO - (812) 117. FRANÇA - (5458) Portugal está com +45. Agora a mesma análise comparativa das últimas 2 semanas, mas relativa ao número de mortes: Países com mais de 1000 casos confirmados: VENEZUELA - 800% CAZAQUISTÃO - 650% ETIÓPIA - 450% GABÃO - 250% GUATEMALA - 226% REP. CENTRO AFRICANA - 200% OMAN - 200% MACEDÓNIA DO NORTE - 160% QUÉNIA - 150% NEPAL - 150% ... 113. GUINÉ BISSAU - (100%) 114. LUXEMBURGO - (100%) 115. MALÁSIA - (100%) 116. NOVA ZELÂNDIA - (100%) 117. ESPANHA - (100%) Portugal regista, neste momento, -7%. Considerando os valores absolutos: MÉXICO - 89 BRASIL - 85 ÍNDIA - 75 REINO UNIDO - 39 PAQUISTÃO - 38 RÚSSIA - 28 CHILE - 24 EGIPTO - 19 COLÔMBIA - 14 ARÁBIA SAUDITA - 11 ... 113. SUÉCIA - (14) 114.ALEMANHA - (14) 115. ITÁLIA - (16) 116. USA - (19) 117. EQUADOR - (29) Portugal regista, neste momento, -1.
  4. Acabar com as claques é acabar com a mama e importante fonte de rendimentos de uma mão-cheia de delinquentes que instigam o ódio e fomentam a violência. Se o fim das claques implica imediatamente o fim da violência? Claro que não. Mas é um passo no bom sentido. Eu também concordo que a raíz do problema não está na existência das claques mas sim na ausência de cultura desportiva. Mas isso é que não muda mesmo por decreto. Se amanhã o Conselho de Ministros votasse uma Resolução para mudar a mentalidade dos adeptos de futebol em Portugal não seria mais do que motivo de chacota. Como é que se contribui para essa mudança de mentalidades? Dando sinais nesse sentido por por parte de quem tem poderes para o fazer: Governo, Assembleia da República, Tribunais, Federação, Liga, Clubes, Comunicação Social e Forças de Segurança. Principalmente os Clubes. Uma medida para mim óbvia seria proibir toda e qualquer organização onde se fomentam atitudes de ódio, onde persistem os atos violentos, onde se faz a apologia de agressão física e verbal. Numa palavra: as claques! Outra medida também óbvia para mim, seria a obrigatoriedade dos comentadores na televisões e jornais terem que assinar um código de conduta. Tal como os jornalistas têm um código deontológico, os comentadores deveriam igualmente ter regras de comportamento a seguir. Bastavam estas duas medidas, numa primeira fase, para o ar se tornar mais respirável. Para mudar mentalidades há que afastar ou condicionar os ideólogos e apologistas da mentalidade vigente que não presta.
  5. DIÁRIO DA COVID-19 Dados de 5 de Junho Este era mais um dia com valores para nos preocuparmos mas a correção efetuada ao longo da tarde melhorou o panorama ao nível dos internamentos. Menos mal... Dados do Dia - Entre () diferença para o dia anterior: Casos Confirmados: 33969 (+ 377) Casos Recuperados: 20526 (+ 203) Óbitos: 1465 (+ 10) Casos Ativos: 11978 (+ 164) Internados: 421 (- 24) Internados em UCI: 58 (0) Indivíduos Testados: 334923 (+ 1817) Taxa de Crescimento de Novos Casos: 1,12% (+ 0,12 pp) Taxa de Crescimento Médio desde 11/03: 8,70% (- 0,09 pp) Taxa de Crescimento Médio nos Últimos 5 Dias: 0,89% (+ 0,04 pp) Taxa de Letalidade: 4,31% (- 0,02 pp) Taxa de Recuperados: 60,43% (- 0,07 pp) Peso dos Óbitos nos Casos Fechados: 6,66% (- 0,02 pp) Taxa de Internamento: 3,51% (- 0,26 pp) Taxa de Internamento nas UCI: 13,78% (+ 0,75 pp) Taxa de Crescimento Novos Testados: 0,55% (- 0,06 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados: 10,14% (+ 0,06 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados de há 5 Dias: 10,45% (+ 0,07 pp) Principais dados negativos do dia: Maior número de novos casos desde 8 de maio; Maior número dos casos ativos desde 23 de maio (o último antes da "grande atualização"); Maior taxa de crescimento diária desde o dia 8 de maio; Diminuição da taxa de recuperações; A taxa de crescimento médio dos últimos 5 dias voltou a subir; O peso dos confirmados face aos testados está no maior valor desde o dia 23 de abril; Os valores dos casos confirmados nos últimos 7 dias face ao dos 7 dias anteriores agravou-se pelo 15º dia consecutivo. Principais dados positivos do dia: Diminuição do número de internados para o menor valor desde 28 de março; A taxa de letalidade diminuiu 2 centésimas para o valor mais baixo desde 24 de maio. A projeção para amanhã, se os indicadores de hoje se voltarem a verificar: Taxa de crescimento de novos casos a 1,12% -> Novos casos: 380; Total Confirmados: 34349 Taxa de confirmados sobre os testados de há 5 dias em 10,45% -> Novos casos: 127; Total Confirmados: 34096 Taxa média de crescimento nos últimos 5 dias de 0,89% -> Novos casos: 302; Total Confirmados: 34271
  6. O que seria do futebol sem as claques. Conseguem imaginar? Estádios silenciosos, sem alegria, sem cânticos, sem festa, sem cor, sem apoio. Não seria a mesma coisa. As claques são fundamentais para a existência do futebol. Era mais ou menos esta a resposta que eu recebia quando designava esses bandos de delinquentes pelo que eles são e defendia a sua abolição. Hoje já sabemos. Mal ou bem, o futebol joga-se sem a presença de claques. Os jogos duram os 90 minutos, há golos (ou não), umas equipas ganham, outras perdem, outras empatam. As claques não fazem falta nenhuma para se poder jogar à bola. Pelo contrário, também se comprova que o futebol faz muita falta aos bandidos que se organizam em claques para praticarem as suas bandidagens e crimes cada vez mais violentos. O futebol não precisa das claques. Mas os criminosos precisam das claques e, por definição, do futebol.
  7. GRAU DE DESCONTROLO - 3 de Junho A fórmula utilizada consiste na taxa de crescimento do valor médio dos novos casos registados nos últimos 7 dias em relação ao valor médio de novos casos nos 7 dias anteriores. Crescimento positivo implica que a situação está pior que na semana passada. Crescimento negativo que a situação está a melhorar. Países com mais de 1000 casos confirmados: TUNÍSIA - 500% ISRAEL - 363% PARAGUAI - 265% NEPAL - 208% SOMÁLIA - 163% FILIPINAS - 157% MACEDÓNIA DO NORTE - 150% HONG KONG - 145% HAITI - 131% OMAN - 122% ... 113. LIBANO - (53%) 114. CROÁCIA - (80%) 115. ZÂMBIA - (86%) 116. FRANÇA - (100%) 117. NOVA ZELÂNDIA - (100%) Portugal está com +21%. Considerando os valores absolutos: BRASIL - 6859 ÍNDIA - 1811 PERÚ - 1589 PAQUISTÃO - 1151 BANGLADESH - 756 IRÃO - 638 ÁFRICA DO SUL - 522 EGIPTO - 502 USA - 414 FILIPINAS - 410 ... 113. EMIRADOS ÁRABES UNIDOS - (225) 114. CANADÁ - (259) 115. ARÁBIA SAUDITA - (479) 116. REINO UNIDO - (904) 117. FRANÇA - (4653) Portugal está com +48. Agora a mesma análise comparativa das últimas 2 semanas, mas relativa ao número de mortes: Países com mais de 1000 casos confirmados: ETIÓPIA - 1000% VENEZUELA - 800% CAZAQUISTÃO - 450% ISRAEL - 400% MAYOTTE - 300% QUÉNIA - 280% OMAN - 211% REP. CENTRO AFRICANA - 200% GABÃO - 200% GUATEMALA - 200% ... 113. AUSTRÁLIA - (100%) 114. GUINÉ EQUATORIAL - (100%) 115. LUXEMBURGO - (100%) 116. MALÁSIA - (100%) 117. ESPANHA - (100%) Portugal regista, neste momento, -2%. Considerando os valores absolutos: REINO UNIDO - 73 ÍNDIA - 65 RÚSSIA - 36 PAQUISTÃO - 32 CHILE - 20 EGIPTO - 19 COLÔMBIA - 10 IRÃO - 10 ARÁBIA SAUDITA - 10 SUDÃO - 8 ... 113. SUÉCIA - (10) 114.ALEMANHA - (14) 115. USA - (19) 116. EQUADOR - (25) 117. ITÁLIA - (30) Portugal regista, neste momento, 0.
  8. DIÁRIO DA COVID-19 Dados de 4 de Junho Piorou. Hoje só melhoraram os números relacionados com os óbitos. Dados do Dia - Entre () diferença para o dia anterior: Casos Confirmados: 33592 (+ 331) Casos Recuperados: 20323 (+ 244) Óbitos: 1455 (+ 8 ) Casos Ativos: 11814 (+ 79) Internados: 445 (+ 17) Internados em UCI: 58 (+ 2) Indivíduos Testados: 333106 (+ 2012) Taxa de Crescimento de Novos Casos: 1,00% (- 0,11 pp) Taxa de Crescimento Médio desde 11/03: 8,79% (- 0,09 pp) Taxa de Crescimento Médio nos Últimos 5 Dias: 0,85% (+ 0,04 pp) Taxa de Letalidade: 4,33% (- 0,02 pp) Taxa de Recuperados: 60,50% (+ 0,13 pp) Peso dos Óbitos nos Casos Fechados: 6,68% (- 0,04 pp) Taxa de Internamento: 3,77% (+ 0,12 pp) Taxa de Internamento nas UCI: 13,03% (- 0,05 pp) Taxa de Crescimento Novos Testados: 0,61% (- 0,07 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados: 10,08% (+ 0,03 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados de há 5 Dias: 10,38% (+ 0,03 pp) Principais dados negativos do dia: Nova subida dos casos ativos; Os internados aumentaram, inclusive os que estão em UCI; A taxa de crescimento médio dos últimos 5 dias voltou a subir; O peso dos confirmados face aos testados está no maior valor desde 8 de maio; Os valores dos casos confirmados nos últimos 7 dias face ao dos 7 dias anteriores agravou-se pelo 14º dia consecutivo. Principais dados positivos do dia: O número de óbitos baixou dos 10 pela primeira vez desde o dia 15 de maio; A taxa de letalidade diminuiu 2 centésimas, regressando aos 4,3%; A taxa de recuperados teve uma ligeira subida. A projeção para amanhã, se os indicadores de hoje se voltarem a verificar: Taxa de crescimento de novos casos a 1,00% -> Novos casos: 336; Total Confirmados: 33928 Taxa de confirmados sobre os testados de há 5 dias em 10,38% -> Novos casos: 146; Total Confirmados: 33738 Taxa média de crescimento nos últimos 5 dias de 0,85% -> Novos casos: 286; Total Confirmados: 33878
  9. GRAU DE DESCONTROLO - 2 de Junho A fórmula utilizada consiste na taxa de crescimento do valor médio dos novos casos registados nos últimos 7 dias em relação ao valor médio de novos casos nos 7 dias anteriores. Crescimento positivo implica que a situação está pior que na semana passada. Crescimento negativo que a situação está a melhorar. Países com mais de 1000 casos confirmados: ISRAEL - 439% TUNÍSIA - 338% NEPAL - 259% TAILÂNDIA - 217% ESLOVÉNIA - 200% PARAGUAI - 183% HONG KONG - 180% FILIPINAS - 151% HAITI - 119% MACEDÓNIA DO NORTE - 115% ... 113. LETÓNIA - (56,1%) 114. MALÁSIA - (56,4%) 115. CROÁCIA - (83%) 116. FRANÇA - (100%) 117. NOVA ZELÂNDIA - (100%) Portugal está com +20%. Considerando os valores absolutos: BRASIL - 6262 PERÚ - 2124 ÍNDIA - 1726 PAQUISTÃO - 708 ÁFRICA DO SUL - 641 BANGLADESH - 581 EGIPTO - 501 IRÃO - 449 MÉXICO - 408 COLÔMBIA - 395 ... 113. EMIRADOS ÁRABES UNIDOS - (189) 114. CANADÁ - (253) 115. REINO UNIDO - (522) 116. ARÁBIA SAUDITA - (655) 117. FRANÇA - (4759) Portugal está com +45. Agora a mesma análise comparativa das últimas 2 semanas, mas relativa ao número de mortes: Países com mais de 1000 casos confirmados: QUÉNIA - 850% ETIÓPIA - 700% VENEZUELA - 600% CAZAQUISTÃO - 250% REP. CENTRO AFRICANA - 200% ESTÓNIA - 200% GABÃO - 200% ISRAEL - 200% GUATEMALA - 171% BAHREIN - 150% ... 113. LUXEMBURGO - (100%) 114. MALÁSIA - (100%) 115. ESPANHA - (100%) 116. TADJIQUISTÃO - (100%) 117. TUNÍSIA - (100%) Portugal regista, neste momento, -1%. Considerando os valores absolutos: REINO UNIDO - 88 USA - 64 ÍNDIA - 63 RÚSSIA - 37 MÉXICO - 33 PAQUISTÃO - 24 BRASIL - 23 EGIPTO - 17 PERÚ - 15 CHILE - 12 ... 113. BÉLGICA - ( 8 ) 114. FRANÇA - (14) 115. EQUADOR - (18) 116. ALEMANHA - (18) 117. ITÁLIA - (30) Portugal regista, neste momento, 0.
  10. DIÁRIO DA COVID-19 Dados de 3 de Junho No dia em que se regista a ultrapassagem da marca de 20 mil recuperados, observámos nova subida preocupante dos casos confirmados. Dados do Dia - Entre () diferença para o dia anterior: Casos Confirmados: 33261 (+ 366) Casos Recuperados: 20079 (+ 210) Óbitos: 1447 (+ 11) Casos Ativos: 11735 (+ 145) Internados: 428 (- 4) Internados em UCI: 56 (- 2) Indivíduos Testados: 331094 (+ 2221) Taxa de Crescimento de Novos Casos: 1,11% (+ 0,51 pp) Taxa de Crescimento Médio desde 11/03: 8,88% (- 0,09 pp) Taxa de Crescimento Médio nos Últimos 5 Dias: 0,81% (0) Taxa de Letalidade: 4,35% (- 0,02 pp) Taxa de Recuperados: 60,37% (- 0,03 pp) Peso dos Óbitos nos Casos Fechados: 6,72% (- 0,02 pp) Taxa de Internamento: 3,65% (- 0,08 pp) Taxa de Internamento nas UCI: 13,08% (- 0,35 pp) Taxa de Crescimento Novos Testados: 0,68% (- 0,12 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados: 10,05% (+ 0,05 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados de há 5 Dias: 10,35% (+ 0,03 pp) Principais dados negativos do dia: Os novos casos confirmados assumiram o maior valor desde o dia 8 de maio; A taxa de crescimento de novos casos voltou a passar 1%; Os casos ativos voltaram a aumentar; O peso dos confirmados face aos testados está no maior valor desde 10 de maio; Os valores dos casos confirmados nos últimos 7 dias face ao dos 7 dias anteriores agravou-se pelo 13º dia consecutivo. Principais dados positivos do dia: Foi o menor número de óbitos desde o dia 15 de maio; Os internamentos continuam a diminuir; A taxa de letalidade diminuiu 2 centésimas. A projeção para amanhã, se os indicadores de hoje se voltarem a verificar: Taxa de crescimento de novos casos a 1,11% -> Novos casos: 369; Total Confirmados: 33630 Taxa de confirmados sobre os testados de há 5 dias em 10,35% -> Novos casos: 238; Total Confirmados: 33499 Taxa média de crescimento nos últimos 5 dias de 0,81% -> Novos casos: 269; Total Confirmados: 33530 NOTA: Vou deixar de apresentar o gráfico do peso dos confirmados em relação aos testados com desfasamento de 5 dias. Neste momento já é redundante com o gráfico do peso dos confirmados sobre os testados. Ambos na linha dos 10%.
  11. GRAU DE DESCONTROLO - 1 de Junho A fórmula utilizada consiste na taxa de crescimento do valor médio dos novos casos registados nos últimos 7 dias em relação ao valor médio de novos casos nos 7 dias anteriores. Crescimento positivo implica que a situação está pior que na semana passada. Crescimento negativo que a situação está a melhorar. Países com mais de 1000 casos confirmados: ISRAEL - 378% TUNÍSIA - 313% NEPAL - 268% TAILÂNDIA - 264% HAITI - 174% FILIPINAS - 170% ALBÂNIA - 148% SRI LANKA - 143% HONG KONG - 120% COREIA DO SUL - 111% ... 111. SÉRVIA - (52%) 112. BULGÁRIA - (57%) 113. LETÓNIA - (58%) 114. CROÁCIA - (88%) 115. NOVA ZELÂNDIA - (100%) Portugal está com +21%. Considerando os valores absolutos: BRASIL - 4491 PERÚ - 2431 ÍNDIA - 1257 ÁFRICA DO SUL - 509 FRANÇA - 466 CHILE - 461 EGIPTO - 459 COLÔMBIA - 404 FILIPINAS - 388 MÉXICO - 378 ... 111. ITÁLIA - (176) 112. RÚSSIA - (185) 113. CANADÁ - (235) 114. USA - (405) 115. ARÁBIA SAUDITA - (729) Portugal está com +48. Agora a mesma análise comparativa das últimas 2 semanas, mas relativa ao número de mortes: Países com mais de 1000 casos confirmados: QUÉNIA - 750% REP. CENTRO AFRICANA - 200% ESTÓNIA - 200% MACEDÓNIA DO NORTE - 200% HAITI - 183% BAHREIN - 150% ÁUSTRIA - 125% SUDÃO - 122% EL SALVADOR - 120% GUATEMALA - 117% ... 111. LUXEMBURGO - (100%) 112. MALÁSIA - (100%) 113. ESPANHA - (100%) 114. TAILÂNDIA - (100%) 115. TUNÍSIA - (100%) Portugal regista, neste momento, -5%. Considerando os valores absolutos: ÍNDIA - 60 MÉXICO - 46 RÚSSIA - 44 FRANÇA - 30 PERÚ - 24 PAQUISTÃO - 16 EGIPTO - 12 CANADÁ - 11 CHILE - 10 SUDÃO - 10 ... 111. ALEMANHA - (16) 112. BRASIL - (21) 113. EQUADOR - (30) 114. ITÁLIA - (39) 115. USA - (101) Portugal regista, neste momento, -1.
  12. DIÁRIO DA COVID-19 Dados de 2 de Junho Hoje é só notícias boas. Merece uma comemoração condigna na Primark!!! Dados do Dia - Entre () diferença para o dia anterior: Casos Confirmados: 32895 (+ 195) Casos Recuperados: 19869 (+ 317) Óbitos: 1436 (+ 12) Casos Ativos: 11590 (- 134) Internados: 432 (- 39) Internados em UCI: 58 (- 6) Indivíduos Testados: 328873 (+ 2595) Taxa de Crescimento de Novos Casos: 0,60% (- 0,02 pp) Taxa de Crescimento Médio desde 11/03: 8,97% (- 0,10 pp) Taxa de Crescimento Médio nos Últimos 5 Dias: 0,81% (- 0,07 pp) Taxa de Letalidade: 4,37% (+ 0,02 pp) Taxa de Recuperados: 60,40% (+ 0,61 pp) Peso dos Óbitos nos Casos Fechados: 6,74% (- 0,05 pp) Taxa de Internamento: 3,73% (- 0,29 pp) Taxa de Internamento nas UCI: 13,43% (- 0,16 pp) Taxa de Crescimento Novos Testados: 0,80% (+ 0,41 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados: 10,00% (- 0,02 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados de há 5 Dias: 10,32% (- 0,02 pp) Principais dados negativos do dia: A taxa de letalidade subiu duas centésimas; Os valores dos casos confirmados nos últimos 7 dias face ao dos 7 dias anteriores agravou-se pelo 12º dia consecutivo. Principais dados positivos do dia: O número de recuperados foi o maior desde a atualização massiva de dia 24 de maio; A taxa de recuperados face aos confirmados ultrapassou, pela primeira vez, os 60%; Diminuíram os casos ativos; Continuam a diminuir os internamentos; Os internados em UCI estão abaixo de 60, a primeira vez desde 24 de março. A projeção para amanhã, se os indicadores de hoje se voltarem a verificar: Taxa de crescimento de novos casos a 0,60% -> Novos casos: 197; Total Confirmados: 33092 Taxa de confirmados sobre os testados de há 5 dias em 10,32% -> Novos casos: 262; Total Confirmados: 33157 Taxa média de crescimento nos últimos 5 dias de 0,81% -> Novos casos: 266; Total Confirmados: 33161
  13. GRAU DE DESCONTROLO - 31 de Maio A fórmula utilizada consiste na taxa de crescimento do valor médio dos novos casos registados nos últimos 7 dias em relação ao valor médio de novos casos nos 7 dias anteriores. Crescimento positivo implica que a situação está pior que na semana passada. Crescimento negativo que a situação está a melhorar. Países com mais de 1000 casos confirmados: ISRAEL - 254% TAILÂNDIA - 242% NEPAL - 215% SRI LANKA - 208% ALBÂNIA - 167% FILIPINAS - 166% TUNÍSIA - 164% ESLOVÉNIA - 150% HAITI - 145% QUÉNIA - 129% ... 111. SÉRVIA - (53,9%) 112. MAYOTTE - (54,3%) 113. BULGÁRIA - (60%) 114. CROÁCIA - (89%) 115. NOVA ZELÂNDIA - (100%) Portugal está com +18%. Considerando os valores absolutos: BRASIL - 4099 PERÚ - 2404 ÍNDIA - 1319 CHILE - 752 FRANÇA - 469 ÁFRICA DO SUL - 433 MÉXICO - 421 EGIPTO - 383 COLÔMBIA - 372 FILIPINAS - 361 ... 111. RÚSSIA - (195) 112. CANADÁ - (207) 113. ESPANHA - (211) 114. ARÁBIA SAUDITA - (730) 115. USA - (1148) Portugal está com +41. Agora a mesma análise comparativa das últimas 2 semanas, mas relativa ao número de mortes: Países com mais de 1000 casos confirmados: QUÉNIA - 1200% GABÃO - 400% CAZAQUISTÃO - 400% NEPAL - 400% REP. DEM. CONGO - 350% ESTÓNIA - 300% SOMÁLIA - 240% SUDÃO - 186% ÁUSTRIA - 155% BAHREIN - 150% ... 111. LUXEMBURGO - (100%) 112. MALÁSIA - (100%) 113. SINGAPURA - (100%) 114. ESPANHA - (100%) 115. TUNÍSIA - (100%) Portugal regista, neste momento, -4%. Considerando os valores absolutos: MÉXICO - 67 ÍNDIA - 55 PERÚ - 35 RÚSSIA - 35 CANADÁ - 33 FRANÇA - 25 PAQUISTÃO - 13 ÁFRICA DO SUL - 13 SUDÃO - 13 SUÉCIA - 11 ... 111. EQUADOR - (17) 112. ITÁLIA - (35) 113. REINO UNIDO - (66) 114. USA - (204) 115. ESPANHA - (390) Portugal regista, neste momento, -1.
  14. DIÁRIO DA COVID-19 Dados de 1 de Junho Uma folgazinha no número de novos casos. Considerando que são dados de segunda-feira não há motivos de regozijo. Dados do Dia - Entre () diferença para o dia anterior: Casos Confirmados: 32700 (+ 200) Casos Recuperados: 19552 (+ 143) Óbitos: 1424 (+ 14) Casos Ativos: 11724 (+ 43) Internados: 471 (- 3) Internados em UCI: 64 (0) Indivíduos Testados: 326278 (+ 1252) Taxa de Crescimento de Novos Casos: 0,62% (- 0,30 pp) Taxa de Crescimento Médio desde 11/03: 9,07% (- 0,10 pp) Taxa de Crescimento Médio nos Últimos 5 Dias: 0,88% (- 0,07 pp) Taxa de Letalidade: 4,35% (+ 0,01 pp) Taxa de Recuperados: 59,79% (+ 0,07 pp) Peso dos Óbitos nos Casos Fechados: 6,79% (+ 0,02 pp) Taxa de Internamento: 4,02% (- 0,04 pp) Taxa de Internamento nas UCI: 13,59% (+ 0,09 pp) Taxa de Crescimento Novos Testados: 0,39% (- 0,03 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados: 10,02% (+ 0,02 pp) Peso dos Confirmados no Total de Testados de há 5 Dias: 10,34% (- 0,01 pp) Principais dados negativos do dia: Nova subida dos casos ativos de doença; A taxa de letalidade subiu uma centésima, chegando aos 4,4%; Os valores dos casos confirmados nos últimos 7 dias face ao dos 7 dias anteriores, continua a agravar-se pelo 11º dia consecutivo. Principais dados positivos do dia: Descida da taxa de crescimento de novos casos, com consequente diminuição das taxas de crescimento médio. Foi a taxa mais baixa desde 25 de maio(a passada segunda-feira); Continuam a diminuir os internamentos. A projeção para amanhã, se os indicadores de hoje se voltarem a verificar: Taxa de crescimento de novos casos a 0,62% -> Novos casos: 203; Total Confirmados: 32903 Taxa de confirmados sobre os testados de há 5 dias em 10,34% -> Novos casos: 265; Total Confirmados: 32965 Taxa média de crescimento nos últimos 5 dias de 0,88% -> Novos casos: 288; Total Confirmados: 32988
  15. Pois claro que vai. Vamos morrer todos!!! São suicidas!!! FUGEM!!!!
×
×
  • Criar Novo...