Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Mesut Ozil

Querido, vou mudar de casa

Posts recomendados

Citação de pm2lp, há 1 hora:

Não digo que não, até podia ser eu a escolher e comprar beko na mesma, chateou-me foi a imposição de ter que ser beko ou então são mais x, há aqui jogada da marca certamente. Ou fabricantes de cozinhas têm grande desconto se venderem a marca, ou grande desconto se a cozinha for toda equipada com beko, não sei, mas alguém se anda a mexer bem, eu também trabalho com comerciais e delegados, sei do que a casa gasta.

As próprias construtoras têm acordos com determinadas marcas, penso eu.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Ghelthon, Em ‎18‎-‎02‎-‎2020 at 19:22:

LZyGZT7.png

Tremendamente esclarecedor.

f*dasse!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Ghelthon, há 1 hora:

E eu acho estupidamente caro em beja pedirem 240.000€ por uma moradia com 360m2.

Edit: Eu sinceramente espero estar enganado, mas acho que nos próximos 4/5 anos vai haver um estoiro na bolha imobiliária, que vai atirar com os preços todos cá para baixo. Tenho visto muita gente comprar casas por valores absolutamente absurdos para a sua realidade, muito próximo dos 60% da taxa de esforço, se não estiverem para lá disso, assim que houver uma pequena mexida na taxa de juro vai tudo com crl, e nem dinheiro há para comer quanto mais para pagar a casa. A titulo de exemplo eu neste momento pago 232€/mês de credito à habitação, mas no pico da crise cheguei a pagar 850€/mês pelo mesmo credito com o mesmo spread que tenho. E o pessoal não tem a mínima noção do que se está a meter, a única coisa em que pensam é que a taxa é de 0%, mas hoje um credito à habitação de 150.000€ a 35 anos, com um spread de 1% custa cerca de 420€/mês, se a Euribor subir para 3% a prestação fica perto dos 700€/mês, e a isto ainda faltam juntar os seguros e o resto das outras tretas todas.

Sinceramente acho que dentro em breve vai haver muitas casas ao preço da uva mijona à venda e ninguém lhes pega.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Bazuka, há 4 horas:

E eu acho estupidamente caro em beja pedirem 240.000€ por uma moradia com 360m2.

Edit: Eu sinceramente espero estar enganado, mas acho que nos próximos 4/5 anos vai haver um estoiro na bolha imobiliária, que vai atirar com os preços todos cá para baixo. Tenho visto muita gente comprar casas por valores absolutamente absurdos para a sua realidade, muito próximo dos 60% da taxa de esforço, se não estiverem para lá disso, assim que houver uma pequena mexida na taxa de juro vai tudo com crl, e nem dinheiro há para comer quanto mais para pagar a casa. A titulo de exemplo eu neste momento pago 232€/mês de credito à habitação, mas no pico da crise cheguei a pagar 850€/mês pelo mesmo credito com o mesmo spread que tenho. E o pessoal não tem a mínima noção do que se está a meter, a única coisa em que pensam é que a taxa é de 0%, mas hoje um credito à habitação de 150.000€ a 35 anos, com um spread de 1% custa cerca de 420€/mês, se a Euribor subir para 3% a prestação fica perto dos 700€/mês, e a isto ainda faltam juntar os seguros e o resto das outras tretas todas.

Sinceramente acho que dentro em breve vai haver muitas casas ao preço da uva mijona à venda e ninguém lhes pega.

 

Isso com taxa fixa não acontece certo?

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Hammerfall, há 3 minutos:

Isso com taxa fixa não acontece certo?

Alguém que me corrija se estiver errado, mas acho que os bancos não têm a possibilidade de taxa fixa para toda a duração do empréstimo.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Bazuka, há 4 horas:

E eu acho estupidamente caro em beja pedirem 240.000€ por uma moradia com 360m2.

Edit: Eu sinceramente espero estar enganado, mas acho que nos próximos 4/5 anos vai haver um estoiro na bolha imobiliária, que vai atirar com os preços todos cá para baixo. Tenho visto muita gente comprar casas por valores absolutamente absurdos para a sua realidade, muito próximo dos 60% da taxa de esforço, se não estiverem para lá disso, assim que houver uma pequena mexida na taxa de juro vai tudo com crl, e nem dinheiro há para comer quanto mais para pagar a casa. A titulo de exemplo eu neste momento pago 232€/mês de credito à habitação, mas no pico da crise cheguei a pagar 850€/mês pelo mesmo credito com o mesmo spread que tenho. E o pessoal não tem a mínima noção do que se está a meter, a única coisa em que pensam é que a taxa é de 0%, mas hoje um credito à habitação de 150.000€ a 35 anos, com um spread de 1% custa cerca de 420€/mês, se a Euribor subir para 3% a prestação fica perto dos 700€/mês, e a isto ainda faltam juntar os seguros e o resto das outras tretas todas.

Sinceramente acho que dentro em breve vai haver muitas casas ao preço da uva mijona à venda e ninguém lhes pega.

 

Pagaste esses 850€ não porque a Euribor tenha aumentado escandalosamente durante a crise, mas sim porque essas eram as taxas de juro naturais da altura. Era a mesma altura que eu fazia um depósito a prazo a pagar 4 a 7%.

 

Eu já me conformei que não estamos perante uma bolha, mas sim perante uma nova realidade. Quanto muito se a coisa começar a dar para o torto o mercado imobiliário estagnará em vez de continuar a crescer. Estamos com imensas empresas a estabelecerem os seus centros de serviços partilhados de grandes empresas mundiais no Porto e Lisboa, e com cada vez mais recursos qualificados a migrarem para Porto e Lisboa (principalmente empresas tecnológicas). Se o portuense não puder pagar 800€ por um T2 o francês, irlandês, wtv que vem morar para cá para trabalhar na Farfetch, Jumia, Hostelworld, Booking.com, Blip, etc pode.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Ego Sum, há 4 minutos:

Pagaste esses 850€ não porque a Euribor tenha aumentado escandalosamente durante a crise, mas sim porque essas eram as taxas de juro naturais da altura. Era a mesma altura que eu fazia um depósito a prazo a pagar 4 a 7%.

 

Eu já me conformei que não estamos perante uma bolha, mas sim perante uma nova realidade. Quanto muito se a coisa começar a dar para o torto o mercado imobiliário estagnará em vez de continuar a crescer. Estamos com imensas empresas a estabelecerem os seus centros de serviços partilhados de grandes empresas mundiais no Porto e Lisboa, e com cada vez mais recursos qualificados a migrarem para Porto e Lisboa (principalmente empresas tecnológicas). Se o portuense não puder pagar 800€ por um T2 o francês, irlandês, wtv que vem morar para cá para trabalhar na Farfetch, Jumia, Hostelworld, Booking.com, Blip, etc pode.

Se ganhar o mesmo que o portuense não de certeza. 

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Ego Sum, há 14 minutos:

Pagaste esses 850€ não porque a Euribor tenha aumentado escandalosamente durante a crise, mas sim porque essas eram as taxas de juro naturais da altura. Era a mesma altura que eu fazia um depósito a prazo a pagar 4 a 7%.

Eu já me conformei que não estamos perante uma bolha, mas sim perante uma nova realidade. Quanto muito se a coisa começar a dar para o torto o mercado imobiliário estagnará em vez de continuar a crescer. Estamos com imensas empresas a estabelecerem os seus centros de serviços partilhados de grandes empresas mundiais no Porto e Lisboa, e com cada vez mais recursos qualificados a migrarem para Porto e Lisboa (principalmente empresas tecnológicas). Se o portuense não puder pagar 800€ por um T2 o francês, irlandês, wtv que vem morar para cá para trabalhar na Farfetch, Jumia, Hostelworld, Booking.com, Blip, etc pode.

E não achas que devia haver alguma acção política para isso mudar?

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de TukTuk, há 44 minutos:

Alguém que me corrija se estiver errado, mas acho que os bancos não têm a possibilidade de taxa fixa para toda a duração do empréstimo.

Por favor alguém que o corrija 😝

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de TukTuk, há 5 horas:

Alguém que me corrija se estiver errado, mas acho que os bancos não têm a possibilidade de taxa fixa para toda a duração do empréstimo.

Eu no BPI tinha essa hipótese. Em vez de pagar 300 eram 500 e qualquer coisa se fosse para taxa fixa nos 30 anos do empréstimo. Preferi arriscar, na altura saiu este artigo que li na íntegra e que me ajudou a decidir, dava exemplos como a crise que passou, se algo do género voltasse a acontecer continuava a ser mais vantajoso não ir para taxa fixa, porque pagas mais 3 ou 4 anos mas os restantes compensam essa diferença. E depois ha outro fator importante a ter em conta, se a taxa fixa compensasse e se a previsão fosse dos spreads subirem acham que os bancos ofereciam essa solução e, como no caso do BPI, incentivavam a escolha da taxa fixa? Não me parece...

Compartilhar este post


Link para o post

Eu tenho taxa fixa a 30 anos no BPI, fiz em Novembro. Pago cerca de 30 euros mensais a mais relativamente à variável, mas sei com o que conto. Andei muito tempo de volta disso, vários cálculos mas saber com o que conto ao final do mês acabou por pesar na balança. Sinceramente, no meu caso parece-me que fiz uma boa opção (daqui a 30 anos logo se vê).

Compartilhar este post


Link para o post

Por acaso devo comprar casa algures este ano e, sendo sincero, o que mais me assusta é ter a noção de que vou pagar um valor inflacionado que depois posso não recuperar no futuro, se necessário, caso haja alguma crise e/ou os preços voltem a baixar.

Compartilhar este post


Link para o post

Sorry, estava mesmo a leste ahah Da ultima vez que me informei não tinha essa possibilidade. Mas provavelmente e segundo o que  dizem devia estar relacionado como banco a que fui e ao meu caso específico 🙈

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Ghelthon, há 9 horas:

Por acaso devo comprar casa algures este ano e, sendo sincero, o que mais me assusta é ter a noção de que vou pagar um valor inflacionado que depois posso não recuperar no futuro, se necessário, caso haja alguma crise e/ou os preços voltem a baixar.

Estou na mesma situação, mas pensa nestes dois argumentos: (1) se o mercado cair e tiveres necessidade de trocar de casa, vais vender a casa que agora pensas comprar por um valor inferior ao de compra, mas também vais comprar a nova casa por um preço inferior; (2) o risco potencial de "prejuízo" em que incorres ao comprar casa num eventual pico de mercado é (ou deve ser) inferior ao acumulado de "prejuízos anuais" que tens ao pagares renda, que basicamente é deitar dinheiro ao lixo em troca de alguma flexibilidade.

A solução para mim é comprar uma casa bem abaixo das minhas possibilidades. Não é fácil porque hoje todos queremos viver ao lado da estação de metro ou de comboio, ter garagem para dois carros, um apartamento com suíte e cozinha americana, mas tem que ser.

O grande risco não é a oscilação dos preços de mercado mas sim a oscilação das taxas de juros, que num empréstimo a tão longo prazo podem virar uma prestação do avesso, como já referiram. Por isso hei-de contrair um empréstimo a 30 anos em que se não houver nenhuma tragédia o consiga pagar em 20, e depois para eventuais trocas de casa posteriores usarei sempre o meu próprio dinheiro, o objetivo é nunca mais ter que pagar juros na vida (e ainda nem comecei).

Editado por Quan Chi

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Quan Chi, há 3 horas:

Estou na mesma situação, mas pensa nestes dois argumentos: (1) se o mercado cair e tiveres necessidade de trocar de casa, vais vender a casa que agora pensas comprar por um valor inferior ao de compra, mas também vais comprar a nova casa por um preço inferior; (2) o risco potencial de "prejuízo" em que incorres ao comprar casa num eventual pico de mercado é (ou deve ser) inferior ao acumulado de "prejuízos anuais" que tens ao pagares renda, que basicamente é deitar dinheiro ao lixo em troca de alguma flexibilidade.

A solução para mim é comprar uma casa bem abaixo das minhas possibilidades. Não é fácil porque hoje todos queremos viver ao lado da estação de metro ou de comboio, ter garagem para dois carros, um apartamento com suíte e cozinha americana, mas tem que ser.

O grande risco não é a oscilação dos preços de mercado mas sim a oscilação das taxas de juros, que num empréstimo a tão longo prazo podem virar uma prestação do avesso, como já referiram. Por isso hei-de contrair um empréstimo a 30 anos em que se não houver nenhuma tragédia o consiga pagar em 20, e depois para eventuais trocas de casa posteriores usarei sempre o meu próprio dinheiro, o objetivo é nunca mais ter que pagar juros na vida (e ainda nem comecei).

Isso faz sentido, especialmente o bold. Mas também não quero comprar uma casa que não me agrade minimamente, ou uma casa em que tenha de fazer imensas obras. E esse equilíbrio entre preço e "agradabilidade" é ténue.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Bazuka, Em 21/02/2020 at 11:42:

Edit: Eu sinceramente espero estar enganado, mas acho que nos próximos 4/5 anos vai haver um estoiro na bolha imobiliária, que vai atirar com os preços todos cá para baixo.

 

A única parte que discordo do teu post. O @Ego Sum explicou bem. Quanto muito estagnamos, para baixo não vamos.

Citação de toze2, há 20 horas:

Se ganhar o mesmo que o portuense não de certeza. 

fdç e quem é que vem para Portugal receber o que os Portugueses recebem? É essa a diferença. 

Um tuga vai pa fora ganhar mais do que cá, e menos que os seus colegas da nacionalidade do país para que foi.

O estrangeiro vem para cá ganhar 2/3/4 5x mais que o tuga ganha no seu país natal.

Citação de Ghelthon, há 1 hora:

Isso faz sentido, especialmente o bold. Mas também não quero comprar uma casa que não me agrade minimamente, ou uma casa em que tenha de fazer imensas obras. E esse equilíbrio entre preço e "agradabilidade" é ténue.

Peço desculpa ghelthon, mas é esse o grande problema dos millenials, querem todos uma 'boa' casa que os agrade, mas não gostam ou não podem sequer suportar o preço desse 'luxo' que ambicionam, e com luxo não falo em jacuzzi e sauna em casa. 

 

Qualquer casal, repito qualquer casal. Consegue comprar um t2 minimamente razoável para viver os primeiros 10 anos, consequentemente, passados esses 10 anos podem almejar algo melhor, e talvez ter a casa 'de sonhos' que queriam, mesmo que seja um t3 com vista desafogada.

Mas o poder de compra desses millenials não se compara com o poder de compra dos boomers, para nao falar em preços e taxas de esforço. 

É normal não se comprar a casa 'pra vida' antes dos 35/40. A não ser que tenham rendimentos acima da média, o que não teem.

Eu vejo o meu prédio por exemplo. Acabaram de vender um t3 abaixo de mim, por mais 60k do que está avaliada a minha que é superior, remodelada etc...Resumo da história? Tenho um vizinho angolano com 20 anos, e quem comprou a casa foi o papá. 

btw se alguém quiser comprar um t2 duplex em Mira-Sintra. apite, aviso já que custa tanto como um t0 no Rossio. 

Editado por Catota

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Ghelthon, há 1 hora:

Isso faz sentido, especialmente o bold. Mas também não quero comprar uma casa que não me agrade minimamente, ou uma casa em que tenha de fazer imensas obras. E esse equilíbrio entre preço e "agradabilidade" é ténue.

É jogar com o trade-off qualidade da casa vs. distância ao centro urbano. Há quem não se importe de morar a mais de 1 hora do trabalho para poder ter uma vivenda e há quem não se importe de viver numa casa degradada para poder estar a 15 minutos do trabalho. Nenhuma perspetiva está mais correta do que a outra, é uma decisão que cabe a cada um tomar de acordo com o que valoriza mais.

Mas para muita gente esse equilíbrio que falas nem é ténue, é mesmo inexistente. Conheço várias pessoas à procura de casa mas que não querem dar mais do que X por um apartamento, e tem que ser no concelho de Lisboa (margem sul é para os pobres) e não pode ter um bairro social num raio de x km. Das duas uma, ou vão ficar eternamente à espera, ou vão apanhar uma grande desilusão...

  • Like 1
  • Concordo! 1

Compartilhar este post


Link para o post

É preciso ajustar as expectativas de acordo com a realidade atual, eu comecei a procura de casa com um "orçamento" de 150mil a 5min do centro no máximo e acabei a gastar 180mil a 10 minutos, o primeiro dia em que fomos a umas 4 imobiliárias foi um bom reality check, em dois aspectos, primeiro nos preços e segundo em não comprar através de imobiliária.

Em relação a comprar casas pra vida antes dos 35, eu tenho 29 e acredito que comprei casa pra vida, vivenda t4 nova, podia ter comprado um t2 por muito menos e um dia trocar, mas os exemplos que tenho de colegas mais velhos é que o pessoal acaba por estagnar, adaptar-se ao que têm e depois dos 40 raramente mudam de casa, apesar de todos quererem, arrependem-se é de não terem comprado casa logo no início, eu não queria passar por isso.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de pm2lp, há 23 minutos:

É preciso ajustar as expectativas de acordo com a realidade atual, eu comecei a procura de casa com um "orçamento" de 150mil a 5min do centro no máximo e acabei a gastar 180mil a 10 minutos, o primeiro dia em que fomos a umas 4 imobiliárias foi um bom reality check, em dois aspectos, primeiro nos preços e segundo em não comprar através de imobiliária.

Em relação a comprar casas pra vida antes dos 35, eu tenho 29 e acredito que comprei casa pra vida, vivenda t4 nova, podia ter comprado um t2 por muito menos e um dia trocar, mas os exemplos que tenho de colegas mais velhos é que o pessoal acaba por estagnar, adaptar-se ao que têm e depois dos 40 raramente mudam de casa, apesar de todos quererem, arrependem-se é de não terem comprado casa logo no início, eu não queria passar por isso.

Vivenda T4 nova por 180 mil? Compro já. 

 

Onde foi? 

Compartilhar este post


Link para o post

Arredores de Vila real, comprada diretamente ao empreiteiro em fase de construção, mas não penses que é tudo assim por ser aqui, andei muito tempo à procura e tive que dar um sinal jeitoso no cpcv, com todos os riscos que isso acarreta quando se fazem negócios com empreiteiros. Felizmente está a correr tudo bem, quando estiver pronta ponho umas pics.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de pm2lp, há 1 hora:

Em relação a comprar casas pra vida antes dos 35, eu tenho 29 e acredito que comprei casa pra vida, vivenda t4 nova, podia ter comprado um t2 por muito menos e um dia trocar, mas os exemplos que tenho de colegas mais velhos é que o pessoal acaba por estagnar, adaptar-se ao que têm e depois dos 40 raramente mudam de casa, apesar de todos quererem, arrependem-se é de não terem comprado casa logo no início, eu não queria passar por isso.

Se não mudam, das duas uma: ou é uma questão de falta de força de vontade para enfrentar as chatices que envolvem os processos de compra e venda de casa; ou em vez de terem feito esse pé de meia para o upgrade da casa preferiram (com toda a legitimidade) ter um carro melhor, ou ter um/outro filho, ou fazer qualquer outro investimento pontual significativo ou alteração nos padrões de consumo. Eu próprio estou com este discurso do poupadinho porque é a ideia que tenho entranhada em mim nesta fase da vida, mas se calhar daqui a uns anos vou pensar de forma completamente diferente. Não posso é daqui a 20 anos ficar arrependido por não ter juntado dinheiro para comprar uma casa melhor quando fui eu próprio quem decidiu que ia gastar esse dinheiro noutras coisas.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de JonasThern, há 1 hora:

Boa sorte pm2lp, negócios com empreiteiros...espero que não te enganem e entreguem-te a casa no prazo acordado.

Quando nos encontrámos pela primeira vez e ele aparece para almoçar as 11h todo sujo, a cheirar a transpirado, de carrinha de caixa aberta cheia de material, perto de 60 anos e com a mesma empresa de construção há quase 30 anos, eu confiei. Os meus pais perderam um dinheirão com um empreiteiro mas era outra linhagem, daqueles que andam bem vestidos e de Mercedes, tenho mais medo desses.

Compartilhar este post


Link para o post

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   O conteúdo anteriormente introduzido foi recuperado..   Limpar

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...