Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Carlos Gouveia

[FM 2018 | Mini-save] CMPortugal World Cup 2018

Posts recomendados

É bem feito GD, ninguém te manda cagar no jogo com os c*brões dos espanhóis! :mrgreen:

Compartilhar este post


Link para o post

Oitavos-de-final

 

Argentina

 

Rulli

Mercado - Otamendi - Rojo - Tagliafico

Mascherano - Biglia

Dybala - Messi - Agüero

Icardi

 

Subs: Fazio (74' Tagliafico), Bustos (81' Mercado) e Di Maria (84' Agüero)

 

vs.

 

Perú

 

Gallese

Advíncula - Rodríguez - Zambrano - Vargas

Ascues - Ramírez

Farfán - Cedrón - Flores

Rui Diaz

 

Subs: Guerrero (56' Flores), Reyna (61' Cedrón) e Hurtado (74' Guerrero)

 

Golos: Ramírez (12'), Messi (38' pen) e Icardi (70')

Assistências: Farfán, - e Dybala

MVP: Ramírez

 

Resultado Final: 2-1

 

Argentina - Peru

16 - Remates - 16

51% - Posse - 49%

 

Um jogo equilibradíssimo que teve momentos de pender para o Perú. Entrei bem, mas o Perú marcou do meio da rua na segunda vez que avançou. Seguiram-se 3 ou 4 lances de ataque do Perú até que Agüero sofre penalty. Messi empata e o domínio volta para os albicelestes, mas com o Perú a criar mais perigo que nós. A segunda parte foi dividida até que Icardi volta a salvar o dia. Logo a seguir, Tagliafico fica de fora do Mundial por lesão, o Perú ainda ameaçou, obrigando Rulli a duas defesas consecutivas seguidas, não voltando a criar perigo. Ainda não consegui atinar com isto e a mudança tática não resultou na perfeição. Vai dando para passar e creio que o desenho tático estabilizou agora, mas as funções ainda precisam de afinações.

 

Noutro jogo, e porque o meu irmão é demasiado preguiçoso para cá vir.

A Espanha aproveitou o adversário teoricamente mais fraco para rodar a equipa, o que não tinha feito contra Portugal. Começou a perder aos 20 segundos com um golo que destronou o golo do Messi como o mais rápido no Mundial por Salah. Só deu Espanha, mas os contra-ataques do Egíto eram perigosos. Diego Costa (?) acabou por restabelecer a igualdade já na segunda parte. Se a Espanha já nos habituou a remontadas contra Marrocos e Irão, desta vez o jogo chegou aos 90 minutos com 1-1. No prolongamento, Salah enviou a bola duas vezes aos postes, mas um prolongamento muito morto fez o jogo ir para penalties. Com um impressionante 4-1 para o Egípto na contabilidade de penalties falhados, a Espanha carimbou a passagem aos quartos-de-final com um, salvo erro, 2-0.

 

Devido a um provável erro do mod ou do próprio FM, o primeiro jogo a estar marcado para os quartos-de-final é

6/7/2018 19:00 ARGENTINA x Rússia

Compartilhar este post


Link para o post

Oitavos-de-Final:

 

ee393ab9f0e95ac81212a8553129d1b7.png

 

E como este jogo me adora muito, claro que os mete a empatar na última jogada do jogo na segunda vez que vão à minha baliza, bem como a fazer um terceiro golo na terceira vez :heart: Bem podia ficar aqui a noite toda, que não limpava a selecção mais overrated comparativamente à realidade.

Editado por doom_master

Compartilhar este post


Link para o post

Inglaterra 0-3 Colômbia

 

Acabou com estrondo a nossa participação no Mundial, numa péssima exibição onde não há ponta por onde se lhe pegue. Começámos da melhor maneira na 1ª jornada com 5 golos à Tunisia mas daí em diante esta selecção só comprovou as enormes fragilidades que tem, não só a nível técnico como mental.

 

Resta-me agradecer aos meus companheiros de save a oportunidade que me deram. Tinha ficado melhor servido com a Croácia, mas foi divertido.

Compartilhar este post


Link para o post

Oitavos-de-final

PORTUGAL 1 x 1 (p) Rússia

ESPANHA 1 (p) x 1 Egípto

ARGENTINA 2 x 1 Perú

FRANÇA 2 x 4 (e) Croácia

ALEMANHA 1 (p) x 1 Suíça

BRASIL 3 x 0 México

INGLATERRA 0 x 3 Colômbia

BÉLGICA 2 x 3 Polónia

 

Quartos-de-final

6/7/2018 15:00 ESPANHA x Croácia (Skelf x CPU)

6/7/2018 19:00 ARGENTINA x Rússia (Carlos Gouveia x CPU)

7/7/2018 15:00 ALEMANHA x Polónia (BDani x CPU)

7/7/2018 19:00 BRASIL x Colômbia (What x CPU)

Compartilhar este post


Link para o post

Quartos-de-final

 

A Espanha apresentou-se contra a Croácia quando esperava encontrar os vizinhos franceses com De Gea, Carvajal, Piqué, Nacho, Alba, Busquets, Thiago, Saul, David Silva, Callejón e Morata, entrando Koke e Javi Martínez para os lugares de Busquets e Thiago e Pepe Reina para o lugar de David Silva. Os croatas apareceram com Subasic, Vrsaljko, Vida, Corluka, Jedvaj, Kovacic, Brozovic, Perisic, Krovinovic, Mandzukic e Kalinic, entrando Pjaca para o lugar de Mandzukic, Caleta-Car para o lugar de Corluka e Halilovic para o lugar de Perisic.

 

Um jogo sem história, só deu Espanha, que, ainda assim, precisou da segunda parte para marcar. Morata aos 54' e, de penalty, aos 66' fez o resultado final e que mais ajustou ao que se passou em campo.

 

A Espanha fica assim à espera do Brasil x Colômbia para saber quem defronta nas meias-finais

 

 

Argentina

 

Rulli

Mercado - Otamendi - Fazio - Rojo

Mascherano - Guido Pizarro

Di Maria - Messi - Correa

Icardi

 

vs.

 

Rússia

 

Akinfeev

Mário Fernandes - Berezutskiy - Djikia - Schennikov

Dzagoev - Zobnin

Kokorin - Miranchuk - Golovin

Smolov

 

O melhor jogo deste save até agora.

Icardi abriu o marcador aos 20 minutos após assistência de Messi num jogo que parecia adivinhar-se de sentido único. Do nada, Miranchuk tem um livre à entrada da área 6 minutos depois e Rulli dá o frango da noite. 1-1. O golo fez-se sentir e aos 31 minutos, na sequência de um canto, a Rússia dá a volta ao marcador por Kokorin e o estádio veio abaixo. Voltamos a ir para cima deles a custo, mas até ao intervalo nada se alterou.

 

Entrámos na segunda parte da mesma forma, mas cinco minutos depois, Agüero, que tem sido gerido com pinças por ter estado lesionado antes do Mundial, entra para o lugar de Rojo, amarelado e cansado, passando Di Maria para lateral esquerdo. A Rússia tinha vindo para a segunda parte a não permitir à Argentina atacar e nem a passagem de Messi para a direita teve efeitos, quanto muito tirou influência ao astro argentino. Aos 64 minutos, Higuaín entra para o lugar de Correa e Messi colocava-se atrás de três flechas à baliza adversária. 5 minutos depois de entrar, Higuaín marca. Depois do golo, a Rússia tira Golovin e põe Shatov, mas não conseguiu reagir e voltou a mexer com Kanunnikov para o lugar de Kokorin, mas permanecia muito fechada e só um tiraço de longe de Guido Pizarro conseguiu, aos 80 minutos, desbloquear a formação da casa.

 

Até ao fim do jogo vi uma Argentina a saber controlar e a jogar no meio-campo adversário sem, claro, correr quaisquer riscos. Higuaín e Icardi ainda puderam dilatar, mas Akinfeev e falta de jeito impediram que tal acontecesse. Ainda houve tempo para Messi sair por Banega aos 87 minutos (porque 3 minutos extra poderiam fazer muita diferença no cansaço do menino!) e a Rússia ainda tentou um último suspiro com Dzyuba por Miranchuk, mas nem se deu conta do gigante russo.

 

Golos: Icardi (20'), Miranchuk (26'), Kokorin (31'), Higuaín (69') e Pizarro (80')

Assistências: Messi, -, Berezutskiy, Icardi e -

MVP: Miranchuk

 

Resultado Final: 3-2

 

Argentina - Rússia

26 - Remates - 8

55% - Posse - 45%

 

Para já, nas meias-finais temos:

ESPANHA x BRASIL/Colômbia (Skelf x What/CPU)

ARGENTINA x ALEMANHA/Polónia (Carlos Gouveia x BDani/CPU)

Compartilhar este post


Link para o post

Vamos ver se o pipocanço dos oitavos não vem também nos quartos. :medinho:

Compartilhar este post


Link para o post

ESPANHA 2 x 0 Croácia

ARGENTINA 3 x 2 Rússia

ALEMANHA 0 x 2 Polónia

BRASIL 5 x 1 Colômbia

 

10/7/2018 19:00 ARGENTINA x Polónia (Carlos Gouveia x CPU)

11/7/2018 19:00 ESPANHA x BRASIL (Skelf x What)

Compartilhar este post


Link para o post

Meia-final

 

Argentina

 

Rulli

Bustos - Otamendi - Musacchio - Rojo

Mascherano - Biglia

Dybala - Messi - Gaitan

Icardi

 

vs.

 

Polónia

 

Szczesny

Bereszynski - Glik - Kaminski - Sadlok

Grosicki - Linetty - Pazdan - Rybus

Lewandowski - Milik

 

Começa o jogo que dava acesso à final e Messi lesionado, aos 10 minutos Banega entrava para o lugar de Messi. Mesmo assim só dava Argentina e apenas erros individuais dentro da grande área impediam a bola de entrar na baliza de Szczesny. Do nada, um erro coletivo de Otamendi, Mascherano e Musacchio deixam Rulli fazer uma das defesas da noite. Entretanto, nova lesão e, possivelmente, no jogador mais sonante em campo após a saída de Messi. Lewandowski sai aos 33 minutos para dar lugar a Teodorczyk. Cinco minutos depois, Biglia dava para Gaitán que inaugurava o marcador e punha-nos na Final.

 

A segunda parte começou com uma reação tímida da Polónia, mas depressa o controlo voltou a ser nosso. Aos 57 minutos, Salamon entra para o lugar de Linetty e aos 62 é a vez de Wilczek render Milik. Dois falhanços de Icardi mantinham o placar imóvel e o jogo caminha morno para o final. Só voltou a haver atividade aos 86 minutos quando Otamendi rendeu Fazio, num belo jogo do central do Manchester City, e aos 90 minutos quando Paredes rendeu Lucas Biglia. Um canto aos 92 minutos para a Argentina poder-se-ia ter transformado no volte-face quando, no contra-ataque, a Polónia isola Grosicki. Bustos viu o fato de bombeiro e garantiu a passagem à final!

 

Relativamente a Messi, ainda não é certa a sua presença no maior jogo do ano.

 

Golos: Gaitán (38')

Assistências: Biglia

MVP: Otamendi

 

Resultado Final: 1-0

 

Argentina - Polónia

22 - Remates - 7

61% - Posse - 39%

 

 

 

ESTAMOS NA FINAL!!!

 

 

 

Segue-se

ESPANHA x BRASIL(Skelf x What)

Editado por Carlos Gouveia

Compartilhar este post


Link para o post

Espanha: De Gea, Carvajal, Sergio Ramos, Piqué, Alba, Busquets, Thiago, Koke, David Silva, Isco e Diego Costa

Brasil: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro, Fernandinho, Casemiro, Luiz Gustavo, Hulk, Neymar e Jonas

 

O primeiro lance a aparecer no jogo foi o golo de Busquets na sequência de um canto. O segundo foi a expulsão, por vermelho direto, de Daniel Alves. Daí até ao intervalo não houve um único momento de relevo. Na segunda parte, Casemiro deu lugar a Fágner, mas o ascendente espanhol era claro até que, de livre direto, Isco amplia a vantagem espanhola. O Brasil ainda tentou mexer e colocou Gabriel Jesus no lugar de Hulk, com a Espanha a colocar Javi Martinez no lugar de Koke. Esta substituição depressa teve efeitos, já que o recém-entrado assistiu Jonas para o 2-1. A Espanha reagiu com a entrada de Iniesta para o lugar de Thiago e o Brasil ainda mandou uma bola ao poste. Nacho Monreal entrou por Alba e Fabinho, ainda tocado, tirou o lugar a Luiz Gustavo. Mas o jogo não teve mais nenhuma oportunidade de relevo e a Espanha vai acompanhar a Argentina na final!

 

 

Meias-finais

ARGENTINA 1 x 0 Polónia

ESPANHA 2 x 1 BRASIL

 

 

Jogo de apuramento para o 3º Lugar

14/7/2018 19:00 BRASIL x Polónia (What x CPU)

 

FINAL

15/7/2018 19:00 ARGENTINA x ESPANHA (Carlos Gouveia x Skelf)

Editado por Carlos Gouveia

Compartilhar este post


Link para o post

Final entre os irmãos Gouveia, isto está pior do que o apito dourado, não há vergonha.

 

A minha aposta era o Brasil, assim sendo já não sei.

Compartilhar este post


Link para o post

Final entre os irmãos Gouveia, isto está pior do que o apito dourado, não há vergonha.

Em minha defesa, inicialmente era para ser eu o host, o que poderia, de facto, levantar suspeitas. Mas, como sabes, o host acabou por ser o What. Daí que se houve macumba, foi dele. E ouvi dizer que entre o Panamá e o Nicarágua não gostaram da macumba :mrgreen:

 

Ah, outro pormenor, o meu irmão não joga FM. Neste FM fez, no máximo, 10 jogos, no total de todos os FMs deve ter 3 ou 4 épocas acabadas :mrgreen:

Compartilhar este post


Link para o post

Mas é Espanha e foi passando entre os pingos da chuva :mrgreen:

Foi passando nos pingos da chuva? Ele meteu-se no meio do oceano e não se afogou! Ele tremeu com Irão, Marrocos e, sobretudo, Egipto. Um gajo que leva um jogo para penalties com o Egipto, levando com duas bolas ao poste do Salah, oh pá, não merece estar aqui :mrgreen:

 

Curiosamente, passeou com Portugal, Croácia e contra o Brasil mexeu mal, porque estava a ser um belo passeio.

 

EDIT: Provavelmente a final será hoje.

Editado por Carlos Gouveia

Compartilhar este post


Link para o post

Foi passando nos pingos da chuva? Ele meteu-se no meio do oceano e não se afogou! Ele tremeu com Irão, Marrocos e, sobretudo, Egipto. Um gajo que leva um jogo para penalties com o Egipto, levando com duas bolas ao poste do Salah, oh pá, não merece estar aqui :mrgreen:

 

Curiosamente, passeou com Portugal, Croácia e contra o Brasil mexeu mal, porque estava a ser um belo passeio.

 

EDIT: Provavelmente a final será hoje.

 

Passeou com Portugal a rodar e com um Brasil que cedo ficou com 10.

Compartilhar este post


Link para o post

Citação do jornal "Correio da Manhã" online

150px-Correiomanhalogo.png

O CORREIO DA MANHÃ SABE QUE FINAL SERÁ JOGADA E TRANSMITIDA DENTRO DE MOMENTOS

A FIFA chegou a casa e está a preparar-se para colocar o servidor ativo.

Jogar-se-á primeiro o jogo de terceiro e quarto lugar, entre o Brasil, comandado por What, e a Polónia, comandada por Adam Nawalka. Seguir-se-á a final entre a Argentina de Carlos Gouveia e a Espanha de Skelf.

Transmissão em www.twitch.tv/what7pt
Editado por Carlos Gouveia

Compartilhar este post


Link para o post

3º e 4º lugar

 

Brasil: Ederson, Fagner, David Luiz, Miranda, Alex Sandro, Fabinho, Casemiro, Luiz Gustavo, Hulk, Coutinho e Jonas

Polónia: Szczesny, Piszczek, Glik, Pazdan, Sadlok, Linetty, Krychowiak, Grosicki, Rybus, Teodorczyk e Milik

 

Jogo sem história aparente, aos 16 minutos Casemiro faz o 3-0, depois de Coutinho inaugurar o marcador aos 5 minutos e Hulk ampliar aos 9. Ainda tempo para o 4-0 por Hulk aos 41 minutos.

 

Ao intervalo, com Lewandowski fora da ficha de jogo por lesão, Jonas saiu por Gabriel Jesus de forma a garantir que o primeiro lugar na lista de melhores marcadores era dele (Morata e Icardi estavam a dois golos, Messi e Diego Costa a três). No lado dos polacos, Wilczek trocou com Milik

 

Na segunda parte, Kaminsky entrou por Linetty e, três minutos depois, um auto-golo de Szczesny dilatou a vantagem para 5-0 aos 54 minutos. Aos 60 minutos, Adam Nawalka já esgotava as substituições com Kaputska a entrar por Krychowiak. Dois minutos depois, Pazdan fazia um golo à ponta-de-lança que dava algum alento à humilhação que os polacos estavam a sofrer. Contudo, Alex Sandro lesiona-se e What decide que é uma boa altura para Diego Alves se estrear no Mundial. A Polónia percebeu que aquela lateral esquerda iria falhar e, sempre pela sua direita, marcou por Wilczek aos 70 minutos e por Teodorczyk aos 76 minutos, relançando completamente o jogo.

 

What percebeu o erro e lançou Marquinhos para o lugar de Coutinho, fechando assim as portas e estabelecendo o 5-3 como resultado final.

 

Resultado Final: Brasil 5 - 3 Polónia

Compartilhar este post


Link para o post

Final

 

Agora o jogo mais aguardado de todos, curiosamente entre duas equipas de idioma castelhano e que os papeizinhos se encarregaram de me entregar a mim e ao meu irmão. O físico dos jogadores foi um problema para ambos o que potenciou algumas mudanças no onze. Biglia, Dybala, Icardi, Alba e David Silva foram alguns dos habituais titulares que não jogaram devido ao cansaço acumulado! Tagliafico e Busquets eram as únicas ausências por lesão.

 

Argentina

 

Rulli

Mercado - Otamendi - Musacchio - Rojo

Mascherano - Pizarro

Di Maria - Messi - Agüero

Higuaín

 

vs.

 

Espanha

 

De Gea

Carvajal - Piqué - Sergio Ramos - Monreal

Javi Martínez

Thiago - Iniesta

Iago Aspas - Morata - Isco

 

Mas que jogo, um excelente jogo que torna difícil resumi-lo. Começou por ser controlado pela Argentina, Messi a vir buscar a bola onde quer que ela estivesse e Agüero também a assumir um papel importante na construção do jogo albiceleste. Do outro lado, o contra-ataque deixava muitas vezes Rulli em sentido. Foi assim até aos 35 minutos, em que a Espanha começou a superiorizar-se e o jogo foi para intervalo com um empate que refletia bem o que se tinha passado.

 

Ao intervalo não houve mudanças e a Espanha voltou mais forte, esta força aumentou quando Saul e Callejón entraram para o lugar de Thiago e Isco, muito fatigados, e o golo espanhol parecia estar ao virar da esquina com a oportunidade mais flagrante a ter estado nos pés de Callejón, com Mercado a tirar o pão da boca ao espanhol. Aos 68 minutos, contrariedade, Callejon lesiona-se, entra Diego Costa e Morata passa a atacar partindo do lado esquerdo.

 

A entrada de Diego Costa poderia pôr em sentido as hostes sulamericanas, mas um contra-ataque pela esquerda, Agüero manda um balão para a área e Di Maria ganha um penalty completamente contra a corrente do jogo. Messi chamado a converter e faz o seu quarto golo neste Mundial, pondo a Argentina na frente.

 

A Espanha reagiu mal ao golo marcado e o facto de ter as substituições esgotadas não deixava entrar sangue novo. Contudo, com o tempo, voltaram a tentar vencer o mundial pela segunda vez na sua história e foram para cima da Argentina. Como forma de contrariar este avanço, aos 82 minutos, Fazio entra para o lugar de Di Maria, passando a Argentina a jogar num 5-2-3. A Espanha podia ter marcado por duas vezes, mas Rulli e alguma falta de jeito impediram tal de acontecer. Aos 92 minutos, a Argentina decide esgotar as substituições e Rojo e Agüero dão lugar a Bustos e Gaitán. Ainda houve tempo para mais um ataque da roja mas a bola saiu ao lado e Lionel Messi conquistou, por fim, um grande troféu para a sua seleção.

 

Golos: Messi (72' pen)

Assistências: -

MVP: Lionel Messi

 

Resultado Final: 1-0

 

Argentina - Espanha

18 - Remates - 16

53% - Posse - 47%

 

 

 

VENCEDORES!!!

 

 

 

Acaba por ser curioso que a ideia foi minha e eu acabei por ganhar isto com um percurso à Portugal 2016, joguei com Nigéria, Croácia, Islândia, Perú, Rússia, Polónia e, por fim, Espanha. Não fui, nem de perto, a equipa que melhor se comportou (Brasil!!!), mas acabei por ganhar por um misto de três coisas controláveis e uma não controlável:

  • os deslizes - Portugal (Maffu) frente à Rússia nos penalties, o pipocanço monumental da Alemanha (BDani) frente à Polónia e, provavelmente, o azar do Brasil (What) frente à Espanha (Skelf) com um golo no primeiro lance e uma expulsão no segundo;
  • a gestão da fadiga - raramente, se é que alguma vez, entrei com um jogador com menos de 85% e creio só na final ter entrado com jogadores abaixo de 90% e isso no FM é importantíssimo, rodei os jogadores todos e, tirando os guarda-redes, não sei se algum só jogou num jogo;
  • a lesão do Messi - o que poderia ser um azar, acabou por ser proveitoso. O Messi lesiona-se contra a Polónia, que é teoricamente mais fraca, mas nada de muito grave, consigo ganhar o jogo e tenho o Messi a 92% quando a final começa. A Espanha tinha os melhores jogadores (Isco e Thiago) a 75% e 80%, respetivamente e se não me engano.
  • sorte - no final do dia tive apenas uma lesão: Tagliafico, que nem sequer é um dos principais jogadores, tive imensos jogos que entrei a perder e dei a volta e aquela jornada contra a Croácia poderia ter sido completamente diferente se não fossem golos aos 83 e 84 do Icardi, mesmo contra a Rússia, o jogo foi enorme, mas a sorte esteve sempre presente. Curiosamente, mais sorte que eu só mesmo a Espanha, que acabou por ver a sorte a desaparecer neste jogo.

 

Em meu nome pessoal quero agradecer aos sete cromos que me acompanharam nesta ideia, mas em especial ao What que fez de servidor e foi de uma disponibilidade incansável.

 

Creio falar em nome dos oito quando agradeço aos que acompanharam mais ou menos.

 

Dada a premissa do save, acho que fizemos uma coisa engraçada, com um estilo altamente amador, mas que se acaba em si própria. Até uma próxima.

Editado por Carlos Gouveia

Compartilhar este post


Link para o post

Vou impugnar o save porque a Costa Rica tinha passado a fase de grupos, mas devido a uma anomalia técnica acabou por não passar; e num efeito borboleta mudou tudo

Compartilhar este post


Link para o post

Só para explicar o que se passou com a Costa Rica.

Na terceira jornada houve Brasil x Sérvia e Costa Rica x Suíça, com a combinação de resultados que houve, a Costa Rica passou em 2º. O What enganou-se e continuou o jogo, o que fez com que a Alemanha jogasse sem estar cá o BDani. Teve de se repetir o jogo do What e, da segunda vez, já não foi a Costa Rica a passar :mrgreen:

Compartilhar este post


Link para o post
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...