Ir para conteúdo

Posts recomendados

que epoca fenomenal e invencivel. fazes bem em ficar para disputar a champions. depois partes para nova aventura

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de King JC, Em 16/09/2019 at 21:49:

Que limpeza até agora

Citação de cadete, Em 17/09/2019 at 08:40:

que epoca fenomenal e invencivel. fazes bem em ficar para disputar a champions. depois partes para nova aventura

Sim, foi de facto uma época fantástica. Acredito que podemos fazer boa figura na champions, depois logo veremos o que se segue.

Citação de Burkina2008, há 23 horas:

Eu vi logo que depois daquela epoca de segundo lugar, esta seria um passeio!

Eu não esperava tanto sinceramente mas já esperava ganhar. Veremos como corre na Champions agora.

 

6.png74.png

6.png

image.png.22eaa80ad9351a64c0475cac08687af2.png

A Supertaça este ano calhou-nos entre jogos da fase de grupos da Champions por isso resolvi rodar a equipa e dar oportunidades a jogadores menos utilizados. A diferença mal se notou. Vitória fácil no jogo em casa e eliminatória praticamente resolvida. No jogo fora até entramos a perder mas recuperamos e conseguimos mais uma vitória

 

12034515.png

 

image.png.515943479c1414f075a7171ccb6d76af.png

Época nova, o mesmo passeio. E passeio esse feito a maior parte com jogadores que seriam em teoria suplentes para meter os titulares fresquinhos na Champions. Acabei por tirar férias em boa parte desses jogos porque a motivação já não era muita dadas as facilidades que estávamos a ter. Não tirei print da classificação mas íamos na liderança já com uma bela vantagem nesta altura.

 

 

6.png

image.png.0338fbe4cba3bc62ff488f347799d2b5.png

Na Taça também tudo a correr de forma natural. Uma vitória com uma equipa de divisões inferiores e outra contra o Bravos de Maquis, uma equipa um pouco mais díficil.

 

161_imgbank_af.cl_20150415124619.png

 

Eliminatórias

image.png.3248b6f724d28a430dc3908fb428af2f.png

Seguimos a nossa campanha na Champions defrontando o USM Alger nos quartos de final, equipa que nos tinha vencido os dois jogos na época passada e que até tinha sido finalista. No jogo fora fomos com algumas cautelas e conseguimos sair com um empate a 1 que nos deixou em boa posição para seguir em frente. No jogo em casa soubemos controlar o jogo e vencemos com naturalidade. Nas meias-finais uma história parecida com o Sundowns da África do Sul, desta vez com um empate a 0 fora. No jogo em casa apesar do resultado não foi fácil até entrar o primeiro golo já na segunda parte. Por fim chegávamos à grande decisão defrontando o ES Tunis que tinha surpreendido o Al Ahly nas meias finais. Novamente voltamos a aplicar a receita dos jogos fora com um empate que nos deixava já na frente para o jogo em casa. Aí o jogo estava a ser equilibrado, nós até tivemos as melhores oportunidades mas não conseguimos marcar.  Mesmo assim o empate a 0 dava-nos o título e o jogo foi se arrastando assim até aos 90. Aí tivemos um enorme balde de água fria com o VAR a assinalar um penalti a favor dos tunisinos. Jouini marcou e a taça escapou-nos quando já ninguém esperava.

 

Acaba assim esta minha viagem por Angola. Só faltou mesmo a Champions para ser uma passagem inesquecível. Brevemente anunciarei o meu novo destino.

 

Compartilhar este post


Link para o post

como esperava, excelente prestacao na champions. ainda deste luta na final. que venha o proximo capitulo

Compartilhar este post


Link para o post

Epa as equipas do Norte de Africa sao muito complicadas. Mesmo assim ainda acabaste por fazer um enorme percurso. Fica para a proxima!

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de cadete, Em 20/09/2019 at 17:19:

como esperava, excelente prestacao na champions. ainda deste luta na final. que venha o proximo capitulo

Foi mesmo pena a forma como perdemos na final mas a prestação foi bastante positiva.

Citação de King JC, Em 20/09/2019 at 22:14:

Vamos lá ao próximo capítulo 

 

Citação de Burkina2008, Em 21/09/2019 at 08:18:

Epa as equipas do Norte de Africa sao muito complicadas. Mesmo assim ainda acabaste por fazer um enorme percurso. Fica para a proxima!

É verdade mas até tivemos sucesso com as que fomos defrontando até á final. Aí foi mesmo uma questão de pormenores a decidir o título.

 

360.png23007346.png

Depois do percurso que fiz ao serviço do Petro de Luanda a minha reputação tinha subido para níveis bastante aceitáveis o que facilitava o aparecimento de convites. Ainda assim não foi muito exigente na hora de escolher e acabei por aceitar um dos primeiros convites que me chegou à mesa.  Esse convite veio da relativamente desconhecida ilha de Aruba, um pequeno território autónomo da Holanda localizado nas Caraíbas. Como rapidamente se percebe este não é um campeonato de grande nível estando uns bons furos abaixo do angolano. De qualquer forma a escolha do clube mais que pelo campeonato prendeu-se com as hipóteses de ganhar novo título.

image.png.40377912bd92321af186b25c95260737.png

Como podem ver o RCA (Racing Club de Aruba) é um clube que habitualmente luta pelo título em Aruba e nos últimos  13 anos venceu 5 títulos sendo que nesse período só por 2 vezes ficou fora do top 3. Depois de ser campeão em 2021 o RCA vem de uma época menos conseguida em que apenas conseguiu um terceiro lugar bastante longe do campeão Estrella.

image.thumb.png.242ba3f7719437b38318b4b1f36fa2a7.png

É por isso a minha tarefa recolocar esta equipa na rota dos títulos.

Em termos internacionais não há muito a dizer. Aruba como país e selecção não são muito relevantes mesmo dentro do panorama da CONCACAF e não existem provas internacionais em que os clubes arubenhos participem dado que a Champions é reservada a apenas alguns países desta zona. Ainda assim após alguma pesquisa descobri que existe uma prova que junta os campeões destes países caribenhos, prova essa que não está incluída no FM.

No que se refere ás instalações todas as equipas do campeonato partilham o mesmo estádio que é também o estádio nacional de Aruba, de seu nome Guillermo Trinidad, localizado na capital Oranjestad.

71913_med_guillermo_prospero_trinidad.jp

Por fim, no que se refere ao palmarés total do clube o RCA tem 5 campeonatos e 3 Taças.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de cadete, Em 23/09/2019 at 15:45:

foste para um pequeno paraiso. boa sorte por essas bandas

É verdade. Nos tempos livres posso sempre desfrutar da praia. 😁

Citação de Burkina2008, Em 24/09/2019 at 09:16:

Epa finalmente um save no competitivo campeonato de Aruba...mais um bocadinho e vais parar a Curacao e Bonaire

😅

Bonaire não devo fazer mas Curaçao está na lista.

Citação de King JC, Em 24/09/2019 at 20:08:

Foste para longe, boa sorte neste novo capítulo.

É verdade. Obrigado! 🙂

360.png23007346.png

82061993.png

135588495_calendarioaruba1.PNG.a6b34836363e1757912e5151bc2b7084.PNG

1932116233_calendarioaruba2.PNG.2e7e88b4c7afbe23402ff1c69c4d36d0.PNG

Chegados a Aruba metemos então mãos à obra e o início foi promissor, ainda para mais num campeonato tão curto. 7 vitórias a abrir e uma vantagem confortável na frente. Infelizmente a essa série seguiram-se 3 jogos sem ganhar e a perda da mesma liderança para o SV Britannia.  Foram necessários alguns ajustes mas a equipa deu uma boa resposta e arrancou para uma segunda volta forte em que aproveitamos os deslizes do Britannia para nos isolarmos na frente e foi a 2 jornadas do fim que confirmamos mais um título nacional.

 

Classificação

772431869_classificaoaruba.thumb.PNG.ba1dbb3f789fab77d6ba42caac57a2c4.PNG

No fim a vantagem acabou por ser confortável apesar dos deslizes que tivemos ali a meio.

 

360.png

429619270_taaaruba.PNG.55d4f2c992b62dcd38f218f30ca755d6.PNG

A Taça aqui, fruto do reduzido número de equipas, foi também ela curta. Apenas 2 eliminatórias foram necessárias para chegarmos á final onde defrontamos o Nacional e vingamos aí a derrota no campeonato.

1205938346_onzerca.thumb.PNG.8d45ae33020c6ad4eb7f7f7b3c29a785.PNG

No onze destaco claro para o Van der Wyjne, jovem de 18 anos que já alinha na selecção e claramente um dos melhores deste campeonato. Foi assim uma passagem relativamente tranquila pelas Caraíbas. Veremos agora o que se segue na lista.

Compartilhar este post


Link para o post

isso foi rapido, mais parece umas ferias. apesar da quebra de forma la foste campeao com algum conforto.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de cadete, Em 27/09/2019 at 19:25:

isso foi rapido, mais parece umas ferias. apesar da quebra de forma la foste campeao com algum conforto.

Foram praticamente umas férias sim. Poucos jogos, dois titulos, muito sol e praia, que mais podia eu pedir? 😎

Citação de Burkina2008, Em 29/09/2019 at 08:45:

RCA a bater tudo e todos...das Caraibas vais para? Azerbaijao?

Não andaste muito longe. 😁

Citação de UltraMario, há 23 horas:

Siga! 😄

💪

 

754.png 483917.png

Regressado de um "passeio" pelas Caraíbas foi tempo de me meter no centro de emprego e procurar uma proposta interessante de outro campeonato. Ao fim de algum tempo acabou por surgir o convite do Ulisses Yerevan da Arménia. Um campeonato uns bons furos acima do anterior mas no contexto da Europa muito longe de ser um dos melhores. Uma das coisas que salta mais á vista na Arménia é a escassez de equipas existentes, aqui no FM em três divisões temos um total de 17 equipas A e mais umas quantas B para encher. Em termos internacionais a Arménia também não se destaca muito não tendo chegado a nenhuma fase final e não tendo nenhum clube que tenha atingido uma fase de grupos.

1699404923_historiaarmenia.PNG.efef044e306752542229878dcfd44735.PNG

O Ulisses é um caso curioso aqui na Arménia porque o clube na vida real já não existe. Faliu em 2016 e desde aí não voltou a competir. No entanto aqui no FM colocaram-no na Divisão Inferior (uma espécie de terceiro escalão) e daí o clube foi subindo até regressar á Primeira Divisão. Antes de falir o Ulisses teve um período de algum fulgor no futebol arménio sendo mesmo campeão em 2011 e segundo em 2015. Desde que regressou ao principal escalão não conseguiu no entanto regressar a esses lugares de destaque. O campeonato arménio tem sido completamente dominado pelo Alashkert que leva já 8 títulos consecutivos pelo que não se prevê tarefa fácil para quebrar esta hegemonia.

1057126461_armeniaultimocampeonato.PNG.bac125ee6babae2f84364e8a4a9bdaba.PNG

Na última época o Ulisses ficou-se pelo meio da tabela fazendo um campeonato tranquilo, longe da descida mas também longe do top 3 que lhe daria acesso ás competições europeias.

 

Em termos de instalações o Ulisses usa o mítico Estádio Hrzadan e digo mítico porque é um estádio com história no futebol arménio. Construído no início da década de 70 foi casa do Ararat Yerevan (não confundir com o Ararat Armenia que foi fundado recentemente) que em 1973 conseguiu o feito histórico de se sagrar campeão Soviético, a única equipa da região a consegui-lo. Na época seguinte o clube fez uma grande campanha na Taça dos Campeões Europeus caindo apenas nos quartos-de-final perante o poderoso Bayern de Beckenbauer. conseguindo no entanto ainda vencer o jogo em casa por 1-0.

VlfhN3PZCV5ft37umPoFFoWDe2.jpg

Quanto ao palmarés do clube resume-se ao campeonato conquistado em 2011.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de UltraMario, Em 01/10/2019 at 16:14:

A espera que faças historia de novo com esse clube 😄

Veremos. 😁

Citação de cadete, Em 01/10/2019 at 18:00:

processo interessante do Ulisses

Sim, de facto possui uma história recente bastante interessante.

754.png 483917.png

59006196.png

1827614740_calendarioarmenia1.PNG.73e41c2b0ba288d9ba0abf17b60d2fa9.PNG

Entramos bem no campeonato com duas boas vitórias frente a adversários relativamente acessiveis. O problema é que quando o nível subiu um bocado a equipa não conseguiu responder e perdeu os jogos contra os grandes candidatos ao título. Foram necessários alguns ajustes aí e a verdade é que a resposta foi muito positiva. Uma série de 7 vitórias seguidas, vencendo mesmo 2 desses candidatos (Alashkert e Banants) e a subida ao 1º lugar.

1370999562_calendarioarmenia2.PNG.2479a8d4fb5bdb7961191640f8aa6176.PNG

O campeonato parou então por 3 longos meses e quando voltou a equipa não regressou com a mesma consistência. Se o empate com o Pyunik foi aceitável, a derrota com o Mika, último classificado, foi muito má. Com esse resultado e os empates pouco depois contra Alashkert e Banants permitimos que os primeiros disparassem na frente com 4 pontos de avanço (embora com um jogo a mais). A verdade é que graças à nossa vitória sobre o Pyunik chegamos á ultima jornada a 1 ponto do Alashkert. Tudo em aberto mas olhando para o calendário o Alashkert recebia o Mika, o tal último classificado que nos tinha vencido. Fizemos o nosso trabalho diante do Shirak e esperamos pelo resultado do outro jogo onde aconteceu isto:

69562362_2447300125509784_7927570606831173632_n.thumb.png.fa4791837efcfd0ed1a4e48a4a0a2f06.png 😁

2 golos do Mika a acabar deram-nos o título. Um paio enorme mas a verdade é que já cá canta mais um título.

 

Classificação

1796802585_classificaoarmenia.thumb.PNG.76b510f79a5e8203aed337dbaa470fb3.PNG

Conseguimos quebrar a hegemonia do Alashkert no campeonato arménio e conseguimos também o segundo título nacional para o Ulisses.

59006199.png

2009085526_taaarmenia.PNG.b0529189f6ed9c952b8573d3f70bd912.PNG

Na Taça avançamos de forma natural as duas primeiras eliminatórias diante de equipas de divisões inferiores. Nos quartos já tivemos um teste mais exigente frente ao Alashkert onde conseguimos passar com alguma sorte e com um autogolo a decidir. Nas meias defrontamos uma das surpresas da prova, a equipa secundária do Pyunik, que vencemos sem grande brilho. Na final e num jogo poucos dias depois do empate com o Banants para a Liga o cenário voltou-se a repetir mas desta vez tivemos a possibilidade de rectificar no prolongamento. E assim conquistamos a primeira taça do palmarés do Ulisses.

708599203_onzeulisses.thumb.PNG.ceefbd2b6909eda672b64441344ed0bb.PNG

Gor Hovhaninnisyan é um jovem avançado e foi uma das grandes revelações desta época. Já no meio campo Margaryan esteve a um nível muito alto e acabou por ser mesmo o melhor marcador.

E assim está concluído mais um país da lista. Na próxima actualização apresentarei novo desafio.

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de cadete, Em 06/10/2019 at 11:29:

dominio fantastico. venha o proximo

Venha ele!

Citação de Snytram97, Em 06/10/2019 at 14:33:

Soma e segue! Azerbeijão agora?

É uma hipótese. Veremos. 😁

Citação de Burkina2008, Em 07/10/2019 at 09:09:

Chegar ver e vencer...agora e que vais para o Azerbaijao! Podes ir de carro e tudo!

Ir de carro da Arménia para o Azerbaijão? Não me parece lá grande ideia...

Citação de UltraMario, Em 08/10/2019 at 08:10:

Venha o próximo! 

💪

Citação de JonasThern, Em 08/10/2019 at 09:10:

Algum campeonato onde não tenhas sido campeão à primeira? 

Aconteceu em Angola. Na primeira época fiquei em segundo, na segunda limpei quase tudo.

359.png 23007339.png

Depois da passagem pela Arménia heis-me de volta ás Caraíbas, desta vez ao "fortíssimo" campeonato de Antígua e Barbuda. Tenho que confessar que senti um pouco a falta do calor tropical e da praia e foi isso que me fez voltar a estas bandas. Antígua e Barbuda está um pouco acima de Aruba no que diz respeito ás selecções mas é  ainda assim um país sem grande expressão no futebol nunca se conseguindo apurar para uma Gold Cup ou um Mundial. Quanto à equipa escolhida essa foi o Greenbay Hoppers e é um caso semelhante ao Ulisses, nunca foi dominador do futebol local e possuí apenas 2 títulos de campeão que são relativamente recentes (2015 e 2017) embora nenhum deles se tenha dado no save propriamente dito.

589370506_historicoantigua.PNG.910331749a31916f2bde4e18421cc447.PNG

Dominador como podem ver é o Parham que tem vencido a maioria dos títulos nos anos recentes e desde 2015 que não falha o top 3 da liga. Depois de duas épocas em que o título lhes escapou conseguiram recuperá-lo na última época numa luta equilibrada com o Empire FC até final. Quanto ao Hoppers fez um campeonato algo desapontante ficando-se pelo 6º lugar bem longe da discussão pelo título.

1284100576_ligaantigua.PNG.df7bea4f3ee67a6f93dfa265436b5c0b.PNG

 

 

Em termos de instalações o Greenbay Hoppers usa o Antigua Recreation Ground, um estádio que é usado tanto para futebol como para cricket, o que ajuda a explicar as grandes dimensões do campo. O estádio é partilhado por 11 equipas do país entre as quais estão também o Parham e o Empire FC.

maxresdefault.jpg

Quanto ao palmarés do clube resume-se aos campeonatos conquistados em 2015 e 2017.

Editado por Serpa Pinto

Compartilhar este post


Link para o post

Ao menos das-nos a conhecer os campeonatos mais remotos que podem existir. 

A classificação do Hoopers não foi a melhor. É mais um desafio.

Compartilhar este post


Link para o post

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   O conteúdo anteriormente introduzido foi recuperado..   Limpar

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...