Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Saka

[FM2020] " Antes morrer livres que em paz sujeitos."

Posts recomendados

 

 

 

 

Red Bull terá feito proposta para comprar Desportivo das Aves

Ao que a Santo Tirso TV apurou junto de uma fonte próxima do clube, a Red Bull está a tentar comprar a SAD do Clube Desportivo das Aves.

A marca de bebidas, que apostou forte nos últimos anos no futebol, e que, neste momento, tem no seu portefólio o RB Leipzig e o RB Salzburgo, viu potencial no clube das Aves, principalmente após a conquista da Taça de Portugal, Liga Revelação e Taça Revelação.

 A marca de bebidas tem um projeto ambicioso para o clube, como, aliás tem em todas as suas equipas desportivas e, se os rumores forem reais, existe, neste momento, um desentendimento de valores entre os detentores do clube, os Galaxy Believers, em torno de 1 milhão de euros.

 Outro aspeto que também não terá agradado a administração do Clube Desportivo das Aves será a requerida mudança do símbolo do clube, para o habitual logotipo com os dois touros característicos da marca.

 As negociações ainda estarão a decorrer.

 A Santo Tirso TV entrou em contacto com o Clube Desportivo das Aves, mas aguarda ainda uma resposta.

 A Red Bull, com capital austríaco e tailandês, está presente na Formula 1, onde já venceu por 4 vezes o título de construtores. A marca, conhecida por ser muito forte no marketing, disputa o MotoGP, onde prepara um ataque aos primeiros lugares e também está no hóquei em gelo.

[Em atualização]

 
 
 
 
logoabola.png
Marca de bebidas energéticas é detentora de clubes como o Leipzig da Alemanha e Salzburgo da Áustria

O Desportivo das Aves poderá, em breve, pertencer ao grupo Red Bull, empresa de bebidas energéticas que tem comprado vários clubes, nos últimos anos.

De acordo com a 'Santo Tirso TV', a Red Bull já terá feito uma proposta para comprar a SAD do Aves, clube que está no último lugar da Liga portuguesa com nove pontos somados em 18 jornadas.

Ainda segundo o referido órgão de comunicação local do concelho onde está sediado o Aves, a direção da SAD e a Red Bull têm, nesta altura, um ligeiro desentendimento na ordem de um milhão de euros no acordo.

Se for ultrapassada essa questão, então, o Aves poderá entrar no universo Red Bull onde estão já clubes como o Leipzig da Alemanha e o Salzburgo da Áustria.

 

 
A notícia é avançada pela imprensa local de Santo Tirso e pode significar uma lufada de ar fresco. Segundo a Santo Tirso TV, a conhecida marca de bebidas energéticas Red Bull terá feito uma proposta para avançar com a compra do Grupo Desportivo das Aves. O grupo que já detém vários clubes de futebol vê potencial no emblema da Vila das Aves e, segundo a mesma publicação, existe, de momento, um desentendimento entre as duas partes em torno de um milhão de euros. O CD Aves, recorde-se, ocupa a última posição da Liga NOS, com apenas nove pontos somados em 18 jornadas.

Texto retirado do zerozero.pt
https://www.zerozero.pt/news.php?id=275647
 
To be continue...
Editado por Saka

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de six_strings, Em 30/01/2020 at 07:17:

Save do SAKA? Ganda Nice.

FORÇA
PEACE

Boas, sempre presente aqui, vamos ver o que sai daqui....

Citação de Burkina2008, Em 30/01/2020 at 07:59:

BS Saka!

Mais um sempre por aqui...

Citação de Fluke, Em 30/01/2020 at 08:37:

Grande Saka, bem vindo de volta! BS

Espero estar por algum tempo....

Citação de cadete, Em 30/01/2020 at 10:53:

boa sorte Saka (bom ver-te por aqui).

Mais um dos que andam sempre por aqui, vamos ver o que da isto...

Citação de Tuckius, há 19 horas:

Boa sorte!

 

Citação de FabioK, há 16 horas:

Funny idea. Boa sorte! 

Algo diferente, vamos ver o que isto da as vezes boas ideias na dão grandes coisas....Mais logo a noite vou ver se arranjo um tempo para deixar um pouco do que vai ser este save. desde já obrigado a todos e que se divirtam, pois andamos aqui de passagem...

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Fajo, Em 31/01/2020 at 17:28:

Saka de volta 💪🏽😎

Vamos ver o que sai daqui...

Citação de exiit, Em 01/02/2020 at 12:39:

Bem vindo de volta. Boa sorte

Espero ser uma volta para nos divertirmos...

Citação de LUIZ CESAR, Em 01/02/2020 at 14:06:

Boa sorte.

Obrigado todos!

Compartilhar este post


Link para o post

4d4a3df0e1c1f06c55900ad613e3c5d0.png

 

Boas Malta, espero que maioria tenha gostado do meu regresso, volta com a vontade me distrair , ou um escape do dia a dia, tive vários anos afastado do jogo mas já no ano passado joguei bastante tempo, este ano surgiu me esta ideia que já estava a maturar na minha cabeça e agora vou aproveitar para por cá para fora, uma coisa que faço sempre é estar aqui como na vida de forma descontraída por isso na esperem actualizações todos os dias a mesma hora com a mesma formatação, não esperem o regresso de um lendário, pelo contrario, estou bem abaixo do nível que estava quando andava aqui diariamente...

 

"Por que você não pode bater um clube mais rico? Eu nunca vi uma mala de dinheiro marcar um golo"

Johan Cruyff

 

Estamos na nova era do futebol, onde o dinheiro entra em campo, serve as vezes para lavagem do mesmo, mas nos adeptos queremos é outra coisa queremos golos, festa, títulos, que os pequenos ganhem aos grandes acho que é único desporto onde se consegue que a equipa mais fraca possa ganhar o jogo.

Nos últimos tempo temos visto o aparecimento do Manchester City que tem ricaço apor dinheiro no clube, PSG nas mesmas condições, a maioria dá certo mas também temos casos que não deu certo,  a forma como Red Bull surgiu no futebol foi diferente, na Alemanha dizem que é o clube mais odiado do mundo, mas pelo que li em algum lugar o seu anterior treinador só contratava jogadores com menos de 24 anos, sendo que por isso tinham perdido um grande jogador que esteve para ir para lá mas era mais velho chama se só Jamie Vardy , por isso o clube para mim tem uma boa ideia de formar jogadores ou então adquiri los novos. sendo que eles na Áustria pegaram num pequeno clube e tornaram numa das potencias do Pais...

Este save vai ser com esse intuito vamos pegar numa equipa pequena mas com um reforço financeiro e com uma politica de organização, alguém da um palpite que clube será?

 

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Burkina2008, há 14 horas:

Nao sei....pode ser que seja o Atletico...

A  ideia e ser algo não esperado e diferente....

Citação de Tuckius, há 5 horas:

Pelo 1º post pensava que irias meter dinheiro e mudar o nome ao Aves para RB Aves...

A primeira ideia foi essa mas ainda na sei...

 

Obrigado a todos!

Compartilhar este post


Link para o post

37a1d8a1687dc2d011879a8c43ff070d.png

 

Vamos lá começar as hostilidades, a minha ideia como já deram por isso é fazer uma coisa diferente,  uma coisa que notei no FM19 era os desafios dos updates do Red Bull Évora, Paris, Londres, etc, cheguei mesmo a jogar o do RB Évora o que deu algum gozo fazer uma equipa do zero, levando ela a primeira divisão.

A minha primeira ideia era pegar na opção  Crie um clube e leva lo a gloria que esta no menu iniciar do nosso jogo,  pegar no Aves e fazer um plantel com dinheiro disponível, mas depois de ler vários comentários nas noticias que o Aves ia ser comprado veio outras ideias, temos em Portugal três estádios quase abandonados...Aveiro, Algarve e Leiria que podiam ir de encontro as ideias da mesma empresa de criar um clube grande pois assim tinham estádios em condições, sendo que apenas falta a massa associativa...

Como sabem a empresa Red Bull não tem sido bem recebida nos países que tem tentado impor a sua filosofia por isso fui investigar algumas coisas, No futebol moderno, você tem de desenvolver os clubes como empresas.

O futebol português constituiu uma sociedade anónima específica para o futebol – a Sociedade Anónima Desportiva (SAD). As associações civis continuaram a ser donas maioritárias das empresas que abriram para administrar o futebol, mas passaram a vender participações na estrutura secretária dos clubes para empresários e outras companhias.

Ao mesmo tempo em que o modelo trouxe maior fiscalização e confidencialidade aos clubes melhor administrados, como Benfica e Porto, com acesso mais fácil ao mercado financeiro, o formato não impede que empresários, como o luso-angolano Álvaro Sobrinho, interfiram e desestabilizem as gestões de clubes como o Sporting.

 

 

Exemplo Benfica

 

Benfica
43% pertencem ao Benfica Associação
24% pertencem ao Benfica SGPS (que pertence à Associação)
13% pertencem a José Antonio dos Santos
4% pertencem a José da Conceição Guilherme
3% pertencem à Olivedesportos
2% pertencem à Quinta de Jugais
12% estão diluídos entre accionistas minoritários

 

 

Pelo  Mundo há vários clubes empresas

b89fe80993ccd8ed0e5b415609fe687d.png

 

Ideias da Red Bull:

"Sim, Red Bull investiu pesado, mas segue um plano metódico e sustentável de longo prazo, que envolve estruturas de treino e desenvolvimento de novos talentos. Eles têm uma política de contratar apenas jogadores na faixa entre 18 e 24 anos, dentro de um tecto salarial. "

"Também não encontro qualquer fantasia em contratar um jogador como Renato Sanches por 40 milhões. Isso é comprar feito. Aqui gostamos de comprar barato e moldar os atletas."

E agora que clube vamos usar como franchise da Red Bull ou de outra empresa deixem ai dicas ou opiniões.

Compartilhar este post


Link para o post

Boas. Pela ideia dos estádios vazios, o clube que me vem à cabeça é o Louletano.

A mim pessoalmente diz-me bastante, pois foi um save com o Louletano, em 2004/05 acho eu que vi um user aqui no forúm fazer um save, em que levou o Louletano a campeão Europeu. Já não me lembro do nome do User, mas foi quem me inspirou a partilhar saves aqui.

my contribute, your choice

PEACE

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de six_strings, Em 04/02/2020 at 08:23:

Boas. Pela ideia dos estádios vazios, o clube que me vem à cabeça é o Louletano.

A mim pessoalmente diz-me bastante, pois foi um save com o Louletano, em 2004/05 acho eu que vi um user aqui no forúm fazer um save, em que levou o Louletano a campeão Europeu. Já não me lembro do nome do User, mas foi quem me inspirou a partilhar saves aqui.

my contribute, your choice

PEACE

E uma boa ideia vamos, o que vai sair daqui...

 

Citação de cadete, há 21 horas:

Concordo com o Six. Por mim seria Louletano.

 

Dois votos, no Louletano eu tenho voto qualitativo....

 

Obrigado a todos!

Compartilhar este post


Link para o post

1. A cidade 

Loulé é uma cidade portuguesa no distrito de Faro, região e sub-região do Algarve, com cerca de 20 000 habitantes.[nota 1], sede do mais extenso e populoso município algarvio, com 763,67 km² de área[3] e 70 622 habitantes (2011),[1][4] subdividido em 9 freguesias.[5] O município é limitado a norte pelo município de Almodôvar, a nordeste por Alcoutim e Tavira, a leste por São Brás de Alportel, a sudeste por Faro, a sudoeste por Albufeira, a oeste por Silves e a sul tem litoral no Oceano Atlântico. O município de Loulé engloba duas cidades, Loulé e Quarteira, e nele localiza-se o Santuário de Nossa Senhora da Piedade (Mãe Soberana).No concelho de Loulé situam-se os complexos turísticos de Vilamoura/Quarteira, Quinta do Lago e Vale do Lobo (os dois últimos na freguesia de Almancil).

Pré-História

Com o valioso contributo da arqueologia, sabe-se, hoje, que a presença do homem no Concelho de Loulé remonta ao Paleolítico Antigo. Nos milénios seguintes, no período da Era dos Metais, intensifica-se a incursão dos povos do Mediterrâneo Oriental, que progressivamente penetram no Sudoeste Peninsular, culminando com a chegada dos fenícios e dos cartagineses. Estes fundaram as primeiras feitorias na orla marítima do território do actual concelho, promovendo a pesca, a prospecção da metalurgia e a actividade comercial.

Antiguidade e Alta Idade Média

A partir dos meados do século II a.C., após a Segunda Guerra Púnica, os Romanos dão novo impulso às actividades económicas desenvolvendo a indústria conserveira, a agricultura e a exploração mineira do cobre e do ferro.

Período Muçulmano

Com a conquista dos Muçulmanos, no século VIII, nasce a urbe medieval, que virá a gerar a cidade histórica actual. Al-'Ulya' (Loulé) é-nos descrita, pela primeira vez, nas vésperas da reconquista cristã, nas crónicas árabes de Ibne Saíde e Abd Aluhaid, como sendo uma pequena Almedina (Cidade) fortificada e próspera, pertencendo ao Reino de Niebla, sob o comando do Taifa Ibne Mafom.

Reconquista Cristã

Em 1249, Dom Afonso III auxiliado por D. Paio Peres Correia, Cavaleiro e Mestre da Ordem de Santiago, conquista o Castelo de Loulé aos "mouros", fazendo a sua integração plena na Coroa Portuguesa, no momento em que concede o primeiro foral à "Vila" em 1266.

Descobrimentos

No período dos "Descobrimentos e Expansão Marítima", a região do Algarve, nomeadamente Loulé, inicia um novo ciclo de crescimento económico. A actividade comercial foi reanimada.

Século XVIII

Na primeira metade do século, durante o reinado de Dom João V, Portugal viveu um clima de prosperidade económica sustentado pelo ouro do Brasil. Tirando proveito da actividade artística e cultural inserida no espírito do Barroco, o interior das igrejas e capelas da vila são enriquecidas e valorizadas com excelentes retábulos em talha dourada e em azulejaria, obras que foram executadas pelos melhores artífices da região e fábricas do país. O terramoto de 1755 destruiu grande parte da Vila de Loulé.

Século XIX

A grande evolução dos transportes, com a construção da linha férrea no Algarve em 1887 e o desenvolvimento das vias de comunicação, contribuíram no seu conjunto para a profunda mudança no modo de viver da população. No entanto, algumas infraestruturas e equipamentos básicos só no decorrer do século XX passaram a ser equacionados de forma prioritária.

Século XX

O crescimento da cidade apoiou-se numa nova melhoria das vias de comunicação e na exploração mineira, a qual atraiu mais gente a Loulé, o que se traduziu numa acelerada actividade de construção civil em todo o concelho.

Clima

Loulé tem um clima mediterrânico com verões quentes e secos e invernos suaves e húmidos. A temperatura no verão varia de 19°C a 27°C e no inverno de 8°C a 14°C. A duração do sol é importante com 2.500 horas por ano.

Turismo

No concelho de Loulé, encontram-se alguns dos locais mais cobiçados do país. Destaca-se Vilamoura, que é o maior (?) complexo turístico da Europa. Dispõe de marina, uma academia de golfe e cinco campos de golfe, um casino, várias discotecas, clube de ténis, clube de mergulho, outras instalações de lazer, uma extensa praia, e dezenas de hotéis de 5 e 4 estrelas. Iniciada na década de 1960, Vilamoura tem uma área de 1600 hectares. O projecto arquitectónico desenvolve-se em torno da marina e inclui centenas de vivendas distribuídas pela zona residencial, e outros empreendimentos dedicados quase exclusivamente ao turismo.

Praia da Falésia (partilhada com o município de Albufeira)

Praia de Vilamoura, Praia de Quarteira, Praia de Vale do Lobo, Praia do Garrão - Poente, Praia do Garrão - Nascente, Praia do Ancão, Praia da Quinta do Lago.

Extracção Mineira

A mina de sal-gema, localizada em Loulé, surgiu aquando da mutação geológica que resultou na separação entre a Europa e África, que criou o Mar Mediterrânico, há 250 milhões de anos, ainda antes da era Jurássica. A cobertura de uma enorme massa de água salgada pela terra num período relativamente curto resultou no enorme torrão de pelo menos um quilómetro de profundidade, que hoje se estende a Leste de Loulé e não se sabe onde acaba. Há quem diga que ramos dessa linha de sal poderão atingir as proximidades de Barcelona, onde há uma jazida semelhante. Com início 90 m abaixo da superfície – após uma camada de calcário (1 aos 45 m) e outra de gesso (45 aos 90 m) -, a mina já foi explorada até aos 313 m de profundidade, mas as enormes galerias feitas pelo homem situam-se em dois níveis, a 230 e 260 mde profundidade. A primeira galeria situa-se 64 m abaixo do nível do mar. Antes realizada a poder de dinamite, picaretas e martelos pneumáticos, actualmente a extracção de sal é feita com uma máquina de perfuração, a que os trabalhadores chamam “roçadora”. Após esse trabalho, os camiões que circulam no interior das galerias (algumas maiores do que um túnel rodoviário comum) levam o minério a uma máquina que o desfaz e leva ao poço de transporte de material, até à superfície. Uma parte significativa da produção é exportada, onde é utilizado sobretudo para o fabrico de descongelante para as estradas europeias. A mina foi descoberta há meio século, graças a um furo realizado numa propriedade em Campinas de Cima.

Actualmente e depois de décadas de aumento na sua produção, a mina louletana está a diminuir a sua produção, contudo, a empresa que procede à sua exploração pretende inserir a mina no roteiro turístico da região algarvia. O sal produzido, mais “salgado” que o utilizado nas cozinhas, não serve para alimentação humana. Para as novas tarefas “terciárias”, terão que ser instalados no subsolo, entre 230 e 260 m de profundidade, equipamentos como uma secção multimédia em que se explique aos visitantes o que é e para que serve a mina. Poderão ainda vir a ser construídas outras infraestruturas, tais como um restaurante, zonas de vendas baseadas nas pedras de sal (da pedra de sal-gema podem ser feitos candeeiros, esculturas e pisa-papéis, por exemplo), além de terem que ser abertos novos poços para instalar elevadores que substituam as “gaiolas” por onde agora descem e sobem os trabalhadores.

 

2. Estádio

Estádio Algarve

O Estádio Algarve, em Loulé/Faro, foi construído para o Campeonato Europeu de Futebol, o "Euro 2004", e tem uma capacidade total de 30.305 lugares.

O Sporting Clube Farense e o Louletano Desportos Clube são os clubes residentes, sendo que atualmente nenhuma das duas o utiliza como "casa". Nas épocas 2006/2007 e 2010/2011, também o Portimonense fez daqui a sua casa até que as obras no Estádio Municipal de Portimão estivessem concluídas[1], e em 2013/2014 foi a vez do Olhanense que devido ao mau estado do relvado do Estádio José Arcanjo se viu obrigado a jogar aqui os jogos caseiros da sua equipa[2].

Tendo sido inaugurado a 23 de Novembro de 2003, teve o seu primeiro jogo oficial a 1 de Janeiro de 2004 e opôs em jogo amigável as equipas do Sporting Clube Farense e do Louletano Desportos Clube.

A autoria do projecto é da empresa australiana HOK S+V+E, a mesma que projectou o Estádio Olímpico de Sydney na Austrália e o novo estádio da Luz em Portugal.

 

O Estádio Algarve, tem um custo diário de cerca de 10 mil euros, que são suportados pelas Câmaras Municipais de Loulé e Faro, que perfaz cerca de 3,6 milhões de euros por ano. Este custo representa o pagamento de amortizações, juros, funcionamento e manutenção do estádio que anualmente totaliza um investimento total na ordem dos três milhões de euros pagos unicamente pelas Câmaras de Loulé e Faro. Segundo fontes do jornal Expresso a situação é de tal forma "pesada" e as receitas tão diminutas perante os custos que o futuro do estádio é cada vez mais discutido. É referido também que apesar de até ao momento a Associação de Municípios Faro/Loulé e a direcção do Parque das Cidades estarem a disponibilizar o estádio e as áreas contíguas para a realização de grandes eventos, o número de eventos não consegue dar o alívio financeiro desejado.[4]

As autarquias de Loulé e Faro contraíram, em 2002, um empréstimo de 17 milhões de euros, por um prazo de 20 anos, para financiar a construção do Estádio Algarve e infra-estruturas conexas para receber jogos. A empresa municipal que gere o estádio teve um prejuízo de 939 mil euros em 2007 e deverá fechar o ano de 2013 com um saldo negativo de 605 mil euros. Segundo fontes ouvidas pela Agência Lusa é totalmente certo que as receitas suplementarão os custos, aquando da maturidade do empréstimo que será em 2022.

Até ao momento, os dois municípios já transferiram cerca de 40,6 milhões de euros para a empresa municipal que gere o estádio. Em 2007, a despesa total ascendeu a 3,9 milhões de euros, mais 500 mil euros do que em 2006. De acordo com documentação fornecida pelo presidente da câmara de Faro, José Apolinário, o custo final da obra atingiu os 38 milhões de euros. Já de acordo com uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas, só o estádio custou 46,1 milhões de euros aos contribuintes, mas globalmente, as obras representaram um investimento de 66,3 milhões de euros

To be continue... 

Compartilhar este post


Link para o post
Citação de Tuckius, Em 05/02/2020 at 14:05:

RB Loulé a caminho?

Quem sabe...

Citação de six_strings, Em 05/02/2020 at 14:38:

FORÇA NISSO

PEACE

O Clube já esta...

Citação de Burkina2008, Em 06/02/2020 at 06:42:

Red Loletano Bull!!!

Belo nome...

 

Espero mais logo apresentar algo...

Obrigado a todos!

Compartilhar este post


Link para o post

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   O conteúdo anteriormente introduzido foi recuperado..   Limpar

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...