Ir para conteúdo

Brahimi

Membro da Comunidade
  • Total de itens

    2.142
  • Registo em

  • Última visita

  • Pontos

    1,859 [ Doar pontos ]

Últimos Visitantes

1.377 visualizações
  1. Brahimi

    Criptomoedas

    O gajo começou por falar em pseudo políticos e "taxam-me quando tenho ganhos, também me vão dar dinheiro quando tiver perdas????" e ainda vem falar em "discutir como adultos" lol
  2. Brahimi

    Criptomoedas

    Tens razão Dartacão, de certeza que estes pseudo políticos não sabem mais que tu.
  3. Certo, estava só a picar a brigada de especialistas em economia das redes sociais que têm agido como negacionistas nos últimos dias.
  4. O que é que a entidade sabe? Eu li as manchetes, o José Gomes Ferreira e os gráficos desactualizados no Twitter.
  5. É cada vez mais difícil distinguir o CMPT do Facebook.
  6. A votação foi democrática e não há críticas nenhumas a fazer em relação a isso, mas podemos discutir os votos de quem lá está a representar-nos. Não consigo perceber o chumbo do Cotrim Figueiredo para este cargo, principalmente tendo em conta o simbolismo que tira ao chumbo do Pacheco Amorim.
  7. Quase todos os ministros das Finanças são doutores ou pelo menos mestres e ou são académicos ou têm funções revelantes na área.
  8. O Medina ser ministro das Finanças é chocante.
  9. Gostava de ver quais seriam as reacções se o AMN tivesse comentado os preços da gasolina e dissesse qualquer coisa que não fosse "isto é tudo uma cambada de gatunos". Fez muito bem em não comentar quando o conflito de interesses é óbvio.
  10. Se sensivelmente metade do aumento no preço foi para impostos, parece-me justo dizer que a diferença é explicada "em grande parte, por causa dos impostos". E a forma como formulaste o argumento é enganadora, pois disseste que o preço aumentou 35% mas o peso dos impostos só aumentou 2%. Como disse, é uma comparação que não faz sentido. Por exemplo, se o caso fosse "o preço aumentou 35% mas o peso dos impostos só aumentou 15%", a frase estaria a dar a entender o mesmo, que a maior parte do aumento não foi para impostos, mas se fizeres as contas reparas que seria um caso em que a gasolineira estaria a fazer menos dinheiro por litro que antes. As gasolineiras estão a arrecadar mais 22 cêntimos por litro. Sabendo que o petróleo está mais caro (em euros, o que interessa) do que em 2014, os salários subiram e tivemos alguns 10% de inflação desde 2014, não me parece um aumento chocante. Como disse, não sou especialista no mercado nem andei a ler os relatórios & contas da GALP ou da BP, podem efectivamente ter uma margem de lucro na venda um pouco maior, mas se tiverem é uma questão de poucos cêntimos e o que se tem andado a dizer neste tópico é basicamente "preço subiu 50 cêntimos = CHULOS DAS GASOLINEIRAS".
  11. Engraçado fazer esses comentários insultuosos para com os jornalistas e acabares tu a escrever parvoíces. Expores a diferença entre o preço aumentar 35% e o peso dos impostos aumentar 2% como se isso quisesse dizer alguma coisa. Não são valores comparáveis. O aumento percentual do preço é Preço novo/Preço antigo e o aumento percentual do peso dos impostos é (Impostos novos/Preço Novo) / (Impostos antigos/Preço antigo). Baseando-me nos valores do artigo, quando o litro de gasóleo custava 1,41 euros, 66 cêntimos iam para o estado e 75 para as gasolineiras. Agora vão 93 cêntimos para o estado e 97 cêntimos para as gasolineiras. O maior erro do artigo é, por alguma razão, ignorar o impacto cambial e a inflação. O euro vale hoje menos que em 2014 em relação ao dólar e, portanto, o preço do petróleo em euros nunca foi tão alto como agora. Houve também alguma inflação e aumentos significativos no salário mínimo, o que aumenta os custos das gasolineiras. Isto são contas de merceeiro, não sou nenhum especialista neste mercado e não sei quanto é que a posição das gasolineiras efectivamente melhorou ou não, mas esta última página do tópico é um atentado ao pensamento crítico. Parece que em 2014 os directores das gasolineiras eram todos bonzinhos e entretanto é que se tornaram capitalistas sem escrúpulos.
  12. https://www.theatlantic.com/ideas/archive/2022/02/how-russian-sanctions-work/622940/?utm_source=copy-link&utm_medium=social&utm_campaign=share Artigo porreiro sobre o bloqueio das reservas do Banco Central Russo.
  13. O mundo está todo ligado, a guerra afecta a economia de todos os países, obviamente uns mais que os outros. Uns perderem não quer dizer que os outros ganhem.
×
×
  • Criar Novo...