Ir para conteúdo

Snytram97

Membro da Comunidade
  • Total de itens

    660
  • Registo em

  • Última visita

Últimos Visitantes

3.177 visualizações
  1. A Itália até tem um 11 forte, mas o banco é no mínimo mediocre
  2. Não foi na zona da claque, mas foram os do costume. Estava na bancada, e a 10 minutos do fim, toda a gente viu um grupo relativamente grande a deslocar-se para a zona de acesso aos balneários (que ficava junto à saída mais longe). Toda a gente menos a polícia, que não esteve para se chatear
  3. Não sei se este será o tópico mais indicado para discutir o assunto entre Benfiquistas, mas não me ocorre nenhum mais adequado. Ao longo do dia de hoje tenho me sentido muito incomodado com o resulto do processo César Boaventura, e a condenação por corrupção. Acho que nem está a ter o eco mediático que poderia ter, mas é muito triste ver um clube que apoiamos e amamos envolvido neste tipo de esquemas. O Benfica não estava diretamente implicado no processo, mas sendo honestos, conhecendo os pontos gerais do caso, e a relação desse senhor com a direção do Benfica (pelo menos na altura), é difícil acreditar que os dirigentes do clube fossem alheios a tudo isto. Sinto vergonha e tristeza. É verdade que o processo tem alguns aspetos pouco claros, como testemunhos contraditórios dos próprios jogadores, mas sendo provada a tentativa de corrupção por parte do empresário, o Benfica tem obrigação de se demarcar totalmente da situação e esclarecer a relação com esse senhor. A direção tem o dever de o fazer publicamente, perante os sócios. Tudo o que for diferente disso é assumir cumplicidade. Quem não deve, não teme. Um presidente que era vice-presidente na altura, não tem condições para continuar se de facto essa direção manchar irreversivelmente, e desta forma, a imagem do clube. O Benfica não é isto, o Benfica somos nós. Não podemos ser complacentes com os nossos, temos de ser mais exigentes com os nossos do que com todos os outros. Porque não basta dizer que somos diferentes, temos de o ser.
  4. Existe alguma forma de assistir aos debates de ontem, em diferido? Para quem não tem a hipótese de "puxar a box atrás"
  5. Não vi o jogo com o Gil Vicente, mas com o Estrela até entrou bem.
  6. alguém me arranja este artigo? https://expresso.pt/economia/economia_energia/2023-11-07-Caso-litio-e-hidrogenio-porque-e-que-o-MP-investiga-o-Governo--Que-negocios-sao-estes--E-que-suspeitas-recaem-sobre-o-data-center-de-Sines--fe718006
  7. Não estou dentro do processo, e na televisão só falam muito por alto de corrupção, e passa a discussão para quem está a ser investigado e as hipotéticas consequências políticas. Alguém me pode resumir muito suncitamente que crl aconteceu com o lítio?
  8. Não surpreende. Aliás, vendo a posição geral da maior parte dos líderes europeus, é possível que tenha levado um puxão de orelhas pelas primeiras declarações.
  9. Vou ter de mudar de casa em breve e resolvi informar-me sobre o programa Porta 65. À partida parece uma política que podia ajudar muito a desafogar os jovens, sendo que no primeiro ano de contrato subsidia até 50% do valor do aluguer. Só que na prática ninguém se consegue candidatar, porque as rendas máximas aceites estão desajustadas do mercado de arrendamento. Em Faro, por exemplo, só te podes candidatar se estiveres a pagar até 480€ por um T0, ou um T1, e os anúncios que se vêem por aí pedem o dobro desse valor.
  10. Contando com o Ody (e sem contar com Kokubo e André Gomes) estamos com 26 jogadores no plantel. Pelo discurso do Schmidt, e pela época passada, acredito que objetivo final seja contar com 23/24. Por um lado, existe sempre o risco de eventuais lesões, mas parece-me que é o tipo de treinador que prefere um grupo mais coeso, e quanto mais jogadores o plantel tiver, mais jogadores ficarão de forma recorrente fora da convocatória, o que pode dar aso a jogadores insatisfeitos com pouca utilização e a mal estar no balneário. Assim acredito que até ao final do mercado já não entre mais ninguém,e saiam: - Vlachodimos - 1 entre Ristic/ J. Victor/ T. Araújo - 1 entre Schjeldrup/ Tiago Gouveia
  11. O arranque não tem sido perfeito, mas acho que se instalou uma histeria, alimentada pela comunicação social, que faz pouco sentido. Até ver 4 jogos, 3 vitórias, com a supertaça ganha ao maior rival com quem temos tido um registo pouco positivo nos últimos anos. A equipa, apesar de algum desiquilíbrio na gestão do jogo e erros defensivos, tem produzido mais do que suficiente do ponto de vista ofensivo, atrevo-me a dizer que é a equipa com maior volume ofensivo na nossa liga (só vi um jogo do Sporting). 3 pontos perdidos sim, mas num jogo atípico em que até conseguimos recuperar a vantagem mesmo depois de estar empatado com um a menos, e em que rematámos 3 bolas aos postes, e o adversário só fez 3 remates à baliza. Em relação ao plantel, é muito mais forte que o do ano passado. Uma das limitações, que era a baliza, está em processo de renovação e acredito que o Trubin vai assumir em breve. A perda do Ramos é mais preocupante pelo que pode implicar na forma de jogar da equipa Resumidamente, não se devem ignorar sinais negativos, mas acho que estamos a hiperbolizar, como é hábito entre os benfiquistas. Claro que esta onda cavalga com o impulso dos comentadeiros, cuja opinião anda ao saber do vento, e parece cada vez mais azeda desde que a mama a "janelas" e etc deixou de ser o que era. Isso aliado ao sensacionalismo, no desporto como em tudo, a imprensa hoje em dia vive dos extremos.
  12. O farense está condenado enquanto tiver esta equipa técnica... Se acordarem a tempo, com umou dois reforços + o fator casa, acredito no milagre
×
×
  • Criar Novo...