Ir para conteúdo

Moss

Membro da Comunidade
  • Total de itens

    2.026
  • Registo em

  • Última visita

  • Pontos

    1,269 [ Doar pontos ]

Métodos de contacto

  • Website URL
    http://

Informação de perfil

  • Sexo
    Masculino

Últimos Visitantes

2.475 visualizações
  1. Se ajudar: https://www.record.pt/modalidades/jogos-olimpicos/toquio-2020/detalhe/o-calendario-completo-dos-portugueses?ref=HP_DestaquesPrincipais
  2. Este tópico está protegido por uma palavra-passe!
    Deverá introduzir a palavra-passe correta para desbloquear o tópico. Por favor certifique-se que tem a funcionalidade de cookies seguros ativa no seu browser.
  3. Este tópico está protegido por uma palavra-passe!
    Deverá introduzir a palavra-passe correta para desbloquear o tópico. Por favor certifique-se que tem a funcionalidade de cookies seguros ativa no seu browser.
  4. Este tópico está protegido por uma palavra-passe!
    Deverá introduzir a palavra-passe correta para desbloquear o tópico. Por favor certifique-se que tem a funcionalidade de cookies seguros ativa no seu browser.
  5. "Mongoloide" e "autista": Carlão pede desculpa após participar em videoclipe de rapper com letra polémica Em causa está a música de Tekilla, que contou com a participação de vários nomes do Hip-hop português na rodagem do videoclipe. A mais recente música do músico Tekilla está a dar que falar nas redes sociais. O videoclipe de "Lendas" estreou há uma semana no Youtube e contou com a participação de alguns dos nomes mais sonantes do hip-hop nacional, como Sam The Kid, Carlão, Papillon e Xeg. A letra da música suscitou, no entanto, vários comentários depreciativos. Tekilla começa a música com a frase "se tu não és mongoloide, deves ter autismo. Nãoo quero saber de bandeiras, preconceito é o teu racismo", frase essa que causou polémica sobre a discriminação pelos termos usados como "mongoloide" e "autista". A música, publicada no passado dia 21 de maio, contava com mais de 32 mil visualizações pelas 15h30 desta sexta-feira. Carlão já se manifestou sobre o sucedido. "Não imaginando que viesse a magoar alguém, a verdade é que o fiz e, mesmo não sendo a música e letra da minha autoria, peço as mais sinceras desculpas a todos aqueles que se sentiram ofendidos e incomodados pelas palavras ali ditas, nomeadamente aos amigos que tenho com filhos e/ou familiares afetados com o Síndroma de Down, autismo, ou qualquer doença física ou mental", escreveu o artista numa publicação na sua página no Facebook. O cantor refere ainda que quem o conhece "sabe que não me revejo naquilo que ali foi expresso".
×
×
  • Criar Novo...