Ir para conteúdo

cadete

Membro da Comunidade
  • Total de itens

    13.685
  • Registo em

  • Última visita

  • Pontos

    1,087 [ Doar pontos ]

2 Seguidores

Sobre cadete

  • Data de Nascimento 21-02-1984

Métodos de contacto

  • Website URL
    http://

Informação de perfil

  • Sexo
    Masculino

Últimos Visitantes

3.487 visualizações
  1. Vou crescendo mas ainda não sou o Rei de LA. Obrigado
  2. Época preparada e jogos oficiais ao virar da esquina. Entretanto, concluí a Licença Continental C. Esta qualificação ajuda imenso não só para o presente, como será importante para o futuro. Estou sempre disposto a aprender mais e já tenho a Licença Continental B nos meus planos. Mal possa, vou falar com a direção. As boas notícias continuam com o anúncio da renovação de contrato. Assinei uma extensão de um ano, tendo agora contrato até ao final de 2025. Não sei se irei ficar até ao final, mas tenho que pensar em mim e na mulher, e mais vale jogar pelo seguro. Entretanto, quero acabar esta época para aumentar a minha reputação, e depois irei procurar novo clube. Quero trabalhar num clube que me permita vencer troféus. Com o aproximar do primeiro jogo da época, os nervos e a ansiedade aumentavam. 1ª época do início com a equipa reserva dos Galaxy e com o objetivo de também dar minutos aos menos utilizados da equipa principal. Como podem ver, todos os jogos são disponibilizados jogadores da equipa principal. Em média tenho recebido 4 por jogo, mas já cheguei a receber 10. O primeiro jogo oficial era contra o Colorado Springs Switchbacks e segundo a imprensa, enfrentávamos o impossível. Vitória fácil esperada para a equipa da casa, e cabia aos meus jogadores provarem o contrário e desafiar as expetativas. E assim o fizeram. Voltamos para Los Angeles com 1 ponto no saco, depois de um empate a 4. Skieres esteve bem com 2 golos, num jogo de loucos. Outro jogo cheio de golos foi contra o Oklahoma City, mas aqui acabamos por perder por 5-2. Não estivemos bem, mas aceito a derrota. Na deslocação a Las Vegas, não cometemos o mesmo erro da época passada e empatamos a 3. Acabamos o mês em grande, com a primeira vitória da época. E que vitória. Goleada ao Austin Bold por 5-1. Bahner tem estado em destaque e já foi chamado para a equipa principal. O segundo mês marcou o início do Rei dos Empates, que foi o meu alcunha por uns tempos. Em 4 jogos, empatamos 3. El Paso, Tacoma e Tulsa foram os adversários com os quais dividimos os pontos. Na deslocação ao terreno do Orange County, acabamos derrotados por 2-0. Rugova tem sido o destaque pelos golos marcados. Os empates continuariam em Maio e uma vez mais, 3 empates no mês. Desta feita, os adversários foram o San Antonio, Real Monarchs e Phoenix. Ao contrário do mês anterior, em vez de uma derrota tivemos uma vitória. Desta feita, contra o Rio Grande Valley. Vitória difícil mas saborosa, por 2-1, Estamos dentro do esperado e já fizemos os mesmos pontos que na época passada, em apenas 12 jogos. Ainda temos muitos jogos pela frente, e queremos fazer o maior numero de pontos possíveis. Liga esquisita e que está valendo pela experiência de ser profissional. Equipas como nós, Portland 2, Tacoma ou Ream Monarchs, não se podem qualificar para os play-offs e disputar o título. Apesar de não ser a minha melhor época em termos desportivos, a direção está radiante com o meu trabalho pois estou a cumprir as expetativas...aliás, diria que estou a superá-las. A equipa apoia-me e estão satisfeitos com os empates contra San Antonio e Tulsa. A ambição aqui é baixa e não estou muito contente com a situação. Vai valendo pelo ordenado.
  3. Direção deliciada e com razão. Resultados positivos e liderança no campeonato. Vamos a eles crl.
  4. Percentagem de vitórias já está acima dos 50%. A este ritmo irá ser melhor que esperado.
  5. Tens toda a razão. E de que maneira. Treinamos isso frequentemente.
  6. Obrigado. Queremos entrar fortes. Não tentei clubes europeus e fiquei-me pelos locais. Quero fazer esta época até ao final e depois começar a procurar outros clubes que não sejam equipas B. Quero começar em ligas principais.
  7. Obrigado. São mesmo pinos, mas há que acreditar.
  8. Obrigado. Ansioso por começar no Vilafranquense.
  9. Depois da primeira época no Leixões, onde não só conquistei a subida como também fui campeão, saí e comecei a procurar por um novo clube. O CD Nacional desceu de divisão e ainda enviei o meu CV, mas não tive sucesso pois deram oportunidade ao adjunto. O único clube que estava disponível, e que acabei por concorrer ao lugar, foi o Vilafranquense. Tive sucesso e sou agora o novo treinador. Fui à entrevista e estou com vontade de começar a trabalhar. Será um desafio diferente e deverá ser mais complicado que o Leixões. Mãos-á-obra e levar o Vilafranquense à subida. É um clube fundado em 1957 e com boas condições de treino. As camadas jovens é que não são as melhores. Os poucos títulos que tem vieram nos escalões inferiores. O Campo do Cevadeiro é a casa do clube e tem capacidade para 4,600 espetadores. É um campo simpático e mais pequeno que o Estádio do Mar. A acompanhar, tem condições medianas. A visão do clube é contratar jogadores com menos de 23 anos e não contratar com mais de 30. Não será fácil pois para subir de divisão, é necessário experiência no plantel. De resto, é terminar no meio da tabela. Uma boa notícia e que irá ajudar no recrutamento de jovens jogadores, é a parceria confirmada com o Sporting CP. Vou observar bem as suas camadas jovens e equipa B, à procura de jogadores por empréstimo.
  10. A vida continua e o trabalho que tenho pela frente é enorme. A nível pessoal, continuo a estudar para obter as licenças de treinador e vou agora estudar para obter a Licença Continental C. O Galaxy está pagando pelos estudos e tenho que aproveitar ao máximo enquanto cá estiver. Ao mesmo tempo, tinha que planear a nova época. Não tinha muita pressão pois a direção esperava que continuasse o bom trabalho a desenvolver jovens jogadores. O que não tem lógica, é o pedido para não descer de divisão. Enfim, como já esperava, não há dinheiro para transferências e o orçamento para salários é reduzido. O que vai ajudar concerteza, serão os jogadores que virão jogar da equipa principal, para ganharem ritmo de jogo. Mesmo as expetativas da imprensa, não são as melhores, mas são realistas. Estamos apontados ao 15º lugar. San Antonio, San Diego e Phoenix são os grandes candidatos a vencer a competição. Phoenix são os atuais campeões e tanto como nos jogadores chave da competição, como no onze de sonho para a imprensa, não há nenhum jogador do Galaxy II. Como o plantel que tinha à disposição era extremamente curto, decidi contratar vários jogadores para não correr o mesmo risco da época passada. Não deixei que nenhum dos jogadores saísse e comecei a procurar e a trabalhar com os olheiros. Sem dinheiro disponível, tinha que trazer jogadores a custo zero ou que os clubes aceitassem libertá-los, que foi o que aconteceu com Garza e Cantú. Os restantes, vieram a custo zero e são na maioria jovens. Um plantel com várias opções para cada posição e com o objetivo de chegar à equipa principal. Muitos jovens, como era de esperar, mas alguns mais experientes como Lanz ou Gutiérrez. Estes, normalmente fazem parte da equipa principal, mas vão começar a época na segunda equipa. Ainda perguntei o motivo à direção, mas não falaram muito e disseram que foi uma decisão interna. Há que respeitar. Sinceramente, não sei o que esperar destes jogadores. A pré-época foi longa mas era necessária. Tinha muitos jogadores novos e nunca sabia com quem contar da equipa principal. Foram 10 jogos de preparação, que acabaram com saldo positivo. Demos boa conta de nós contra o Minnesota, equipa da MLS, para de seguida desiludir com o empate contra a Academia dos Galaxy. Perdemos contra a equipa principal por 5-1 mas logo endireitamos e conseguimos obter resultados positivos, para animar o moral dos jogadores. Tivemos 5 vitórias consecutivas, incluindo contra o Las Vegas ou o Reno 1868, equipas do mesmo nível. Dois empates nos últimos jogos e agora é concentrar-se pois em breve vai começar a Liga e os jogos oficiais.
  11. Fantástico. Jogos muito equilibrados contra Liverpool e vitória merecida na final contra a Vecchia Signora. Na Liga, foi mesmo até às últimas mas levas o troféu para casa. Que lindo ver essa gente toda na rua a celebrar. Saudades.
×
×
  • Criar Novo...